Trump pega Google de surpresa com anúncio de site sobre coronavírus

O presidente dos Estados Unidos anunciou um site para diagnóstico da doença, mas ele é apenas um projeto-piloto
Google: empresa do grupo Alphabet tem projeto de site que ajuda a identificar sintomas do coronavírus (picture alliance / Colaborador/Getty Images)
Google: empresa do grupo Alphabet tem projeto de site que ajuda a identificar sintomas do coronavírus (picture alliance / Colaborador/Getty Images)
Por Lucas AgrelaPublicado em 14/03/2020 13:59 | Última atualização em 14/03/2020 13:59Tempo de Leitura: 2 min de leitura

São Paulo - O presidente dos Estados Unidos Donald Trump anunciou, na última sexta-feira (13), um site do Google para auxiliar o governo e a população a identificar quem possui os sintomas do novo coronavírus (Covid-19) e onde é possível realizar um teste. No entanto, segundo a revista Wired, o Google foi pego de surpresa pelo anúncio, uma vez que o site não tem abrangência nacional.

A EXAME, o Google informou que possui um projeto-piloto restrito à região de Bay Area, em San Francisco, por meio da empresa Verily, que pertence ao grupo Alphabet (dono do Google). De acordo com o site americano de tecnologia The Verge, a Verily tinha criado o projeto apenas para profissionais de saúde. Após o anúncio, a empresa liberou acesso geral ao público, mas o site ainda tem funcionamento restrito à Bay Area.

Mesmo sem Google ou Casa Branca comentarem sobre o desconhecimento do Google sobre o site dedicado ao coronavírus, ninguém negou a hipótese.

Os testes para diagnóstico do coronavírus viabilizados pela Verily em seu site serão realizados com soluções de empresas de biotecnologia, como a Roche Diagnostics.

Em nota, a Verily disse que planeja expandir o seu projeto-piloto de site para auxiliar no diagnóstico do Covid-19. No entanto, não há um prazo para que isso aconteça. Mesmo depois de semanas de Trump minimizando o impacto do coronavírus nos Estados Unidos, os americanos ainda precisarão esperar mais tempo para ter uma solução online -- venha ela de uma empresa privada ou do governo.