Tecnologia

Michael Arrington está fora da AOL e do TechCrunch

Depois de muita confusão, a AOL divulgou uma nota oficial dizendo que o fundador do TechCrunch não é mais funcionário da empresa

"Blogueiro não remunerado", diz a camiseta de Michael Arrington durante o evento TechCrunch Disrupt SF 2011 (Araya Diaz / Getty Images)

"Blogueiro não remunerado", diz a camiseta de Michael Arrington durante o evento TechCrunch Disrupt SF 2011 (Araya Diaz / Getty Images)

Maurício Grego

Maurício Grego

Publicado em 13 de setembro de 2011 às 11h59.

São Paulo — Michael Arrington, fundador do blog TechCrunch, está fora do site que criou seis anos atrás e do grupo AOL, que comprou a empresa no ano passado por estimados 30 milhões de dólares.

Um comunicado divulgado ontem anunciou oficialmente a saída de Arrington, em meio a uma crise que já vinha acontecendo havia mais de uma semana. Ele vai ser substituído por Erick Schonfeld, um veterano do site. No TechCrunch, o comunicado da AOL foi publicado  sob o título “Decidir partir”, com a palavra “decidir” entre aspas, o que dá a entender que a saída não foi voluntária.

Arrington deve se dedicar ao seu recém-criado fundo de investimento CrunchFund, que estreia com um capital de 20 mihões de dólares, sendo 10 milhões da AOL. A criação do fundo foi o começo da crise que levou à demissão do fundador do TechCrunch. O plano de Arrington é investir em startups, que são um dos assuntos principais do blog, situação que a maioria das pessoas considera um conflito de interesses.

Tim Armstrong, o executivo-chefe da AOL, chegou a fazer declarações apoiando Arrington e seu CrunchFund, que a AOL está financiando. Mas o blogueiro investidor parece ter entrado em conflito com Arianna Huffington, a poderosa fundadora do Huffington Post e sua chefe imediata na AOL.

Na semana passada, Arianna já havia declarado à imprensa americana que Arrington não seria mais editor do TechCrunch, mas que poderia continuar colaborando com o site como “blogueiro não remunerado”. Há certa ironia nisso, já que boa parte da audiência do Huffington Post vem de blogs produzidos por voluntários que não são pagos para escrever.

Arrington respondeu com uma provocação. Ele apareceu ontem, no evento TechCrunch Disrupt, em São Francisco, com uma camiseta onde se lia “blogueiro não remunerado”. 

Acompanhe tudo sobre:BlogsInternetInvestidor-anjoSitesStartups

Mais de Tecnologia

TikTok passa a testar vídeos de 60 minutos e acirra disputa com YouTube

Como tirar o online do WhatsApp no Android? Confira o tutorial no app

Como escanear documentos no seu smartphone sem instalar nada

Como descobrir uma fonte a partir da imagem pela internet

Mais na Exame