Tecnologia

LG revela como será o G Watch, seu novo relógio inteligente

Em foto no Twitter, LG divulgou relógio inteligente com formato retangular e bordas arredondadas. Segundo rumores, gadget terá resolução de 240 ppi e tela LCD

EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

DR

Da Redação

Publicado em 25 de março de 2014 às 12h24.

São Paulo - A LG publicou hoje no Twitter uma foto do G Watch, relógio inteligente da empresa que deve vir com sistema operacional Android Wear. A expectativa é que o gadget seja lançado ainda no primeiro semestre de 2014.

A tela do G Watch tem formato retangular com bordas arredondadas, lembrando assim o design de um smartphone. De acordo com rumores divulgados por The Wall Street Journal, o relógio inteligente terá resolução de 240 ppi na tela de cristal líquido de 1,65 polegada.

Ainda segundo o jornal, o G Watch será um gadget voltado para a verificação de notificações (como mensagens e e-mails) e funcionaria como um acessório para smartphones Android. Por isso, ele não seria capaz de realizar ligações.

Este perfil seria uma característica dos dispositivos que vão operar com Android Wear. Além do G Watch, outro relógio inteligente que trará o sistema operacional é o Moto 360, da Motorola.

A Sony não quer Android Wear

No mesmo dia em que a LG divulgou imagens do seu novo relógio inteligente, a Sony anunciou que não deve adotar o Android Wear nos seus próximos gadgets do tipo.

Em junho do ano passado, a empresa lançou o SmartWatch 2. Feito de alumínio, o relógio inteligente funciona com uma versão modificada do Android e deve ser usado integrado a um smartphone com este sistema operacional.

"Nós já investimos tempo e recursos nessa plataforma e vamos seguir nesta direção", afirmou em entrevista a CNET.com Ravi Nookala, chefe de dispositivos móveis da Sony para EUA.

Acompanhe tudo sobre:AndroidEmpresasEmpresas coreanasEmpresas japonesasempresas-de-tecnologiaGadgetsGoogleIndústria eletroeletrônicaLGRelógios inteligentesSony

Mais de Tecnologia

Apagão cibernético afetou 8,5 milhões de computadores da Microsoft

Uber apresenta instabilidade no app nesta sexta-feira

Zuckerberg diz que reação de Trump após ser baleado foi uma das cenas mais incríveis que já viu

Companhias aéreas retomam operações após apagão cibernético

Mais na Exame