iPhone 13 mantém design do ano passado, com novidades de câmera e bateria

Empresa traz novo chip A15 Bionic, mantendo liderança em capacidade de processamento e modo cinemático, que permite vídeos com características profissionais.

A Apple lançou nesta quarta-feira, 14, o novo iPhone 13. O smartphone da Apple traz o mesmo design de bordas mais retas, que foi apresentado na geração anterior no ano passado. A diferença está no alinhamento das câmeras traseiras, que agora estão na diagonal.

O aparelho está disponível também na versão Mini e em 5 cores: branco, preto, azul, rosa e vermelho. A Apple anunciou que realizou uma rearquitetura interna do smartphone, para incluir uma bateria maior.

Outra novidade é que a Apple deixou de oferecer iPhones com 64 GB de armazenamento e agora os novos aparelhos têm opções de 128 GB, 256 GB e 512GB.

Os novos iPhone 13, Mini, Pro e Pro Max saem pelos seguintes preços no Brasil:

  • iPhone 13 Mini a partir de 6.599 reais
  • iPhone 13 a partir de 7.599 reais
  • iPhone 13 Pro a partir de 9.499 reais
  • iPhone 13 Pro Max a partir de 10.499 reais

Ainda não há data para lançamento no Brasil. A Apple anunciou também novos Apple Watch Series 7 e um redesenho do iPad Mini.

Novos iPhone 13 iPhone 13: aparelhos vêm em 5 cores

iPhone 13: aparelhos vêm em 5 cores (Apple/Reprodução)

A fabricante não dá detalhes, mas garante uma bateria “que dura o dia todo” e promete maior tempo de vida útil da bateria. A melhora, de acordo com a Apple, é garantida por funções de software otimizadas, o novo processador A15 Bionic e “modo inteligente”, que muda o celular para 4G quando o 5G não estiver sendo utilizado.

Os aparelhos mantêm o carregamento por cabos lightning, exclusivos da Apple, ao contrário dos iPads que, no novo design, passaram a contar com entrada USB-C.

Câmeras

Os iPhones 13 mantêm o sistema de duas câmeras, mas a Apple atualizou os sensores para captura de imagens, que agora são maiores e capazes de captar 47% mais luz.

As câmeras traseiras são duas: uma grande angular de 12 megapixels, com sensor de 1.7 micrometros, abertura de 1.6 e alcance focal de 26mm; e uma ultra-grande angular com sensor mais rápido e abertura de 2.4 e alcance focal de 13mm e campo de visão de 120°.

Uma das maiores novidades é o modo cinemático, que permite aos usuários gravar “cenas de cinema”, com troca de foco durante a gravação. De acordo com a Apple, a novidade é possível diante das novidades das câmeras e as capacidades de processamento do A15 Bionic.

A15 Bionic

O novo processador da Apple segue a tendência de ser o melhor do mercado de smartphones. O chip tem 5 nanômetros de distância entre os transistores, o que o permite ter 15 bilhões de transistores e CPU de 6 núcleos, que a Apple afirma ser 50% mais rápido que o melhor chip da concorrência.

O chip também conta com 4 núcleos de processamento gráfico e é capaz de realizar até 15,8 trilhões de operações por segundo.

iPhone 13 Pro e Pro Max

Cores do iPhone Pro 13 Novas cores do iPhone 13 Pro e Pro Max: cinza espacial, dourado, prata e azul

Novas cores do iPhone 13 Pro e Pro Max: cinza espacial, dourado, prata e azul (Apple/Reprodução)

A nova linha das versões Pro e Pro Max também conta com o processador A15 Bionic e novas cores: cinza espacial, prata, dourado e azul. Graças ao processador e o sistema iOS15, a Apple promete que a bateria terá vida útil para um dia completo.

A versão Pro também terá a opção de 1 terabyte de memória, algo que não existia antes em qualquer linha da Apple.

A maior novidade das versões Pro e Pro Max está na melhoria das câmeras. A parte traseira conta com uma câmera Ultra Wide com auto foco, que permite fotos detalhadas; uma câmera Wide que oferece melhoria de até 2 vezes na luz e uma terceira com zoom de até três vezes.

Juntas, elas têm as opções "modo noturno" e "modo cinemático" para a gravação de vídeos profissionais.

Veja mais novidades da Apple:

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também