Tecnologia

Alternativa ao Google Docs e Microsoft Office chega ao Brasil

Onlyoffice Workplace é uma plataforma de edição de documentos e colaboração gratuita e está disponível em português

Onlyoffice: Plataforma com sete milhões de usuários no mundo quer conquistar o mercado brasileiro (Nicolas Economou/Getty Images)

Onlyoffice: Plataforma com sete milhões de usuários no mundo quer conquistar o mercado brasileiro (Nicolas Economou/Getty Images)

AM

André Martins

Publicado em 30 de novembro de 2020 às 18h09.

Google Docs e Microsoft Office terão um novo concorrente na disputa pela preferência do usuário brasileiro. Trata-se do Onlyoffice Workplace, pacote de produtividade de escritório com gerenciamento de documentos, de projetos, agenda, e-mail e rede empresarial.

Agora disponível em português, a plataforma espera conquistar o público brasileiro. "O Brasil é um mercado importante para a companhia e esperamos em poucos anos liderar este segmento no país. Temos o compromisso constante de aprimorar nossa plataforma e acreditamos que o modelo open source é a única potência tecnológica capaz de inovar na velocidade e alcance dos negócios digitais do mundo moderno”, disse Nadya Knyazeva, gerente de comunicação da empresa em entrevista ao site Olhar Digital.

A plataforma de código aberto, possui mais de sete milhões de usuários no mundo e pode ser usada em computadores pessoais, dispositivos móveis, redes locais e em nuvem pública. O Onlyoffice Docs é 100% compatível com os formatos do Microsoft Office, sendo assim, o usuário não precisa converter os arquivos para utiliza-los no Onlyoffice.

Onlyoffice Groups é a ferramenta de colaboração online gratuita do Workplace. Promete ser fácil de usar e instalar, além da possibilidade de ser reformulada de acordo com a necessidade do usuário. Gruops também garante segurança de dados e informações, com salas criptografadas para colaboração.

A plataforma promete combinar a qualidade dos formatos dos aplicativos da Microsoft com o poder colaborativo do Google Docs. “Queremos substituir o Microsoft Office, o Google Docs e dominar o mercado de aplicativos de escritório. Temos nos aprofundado para entender nossos usuários brasileiros e suas necessidades para atingir esse objetivo. O primeiro passo nessa direção é a tradução completa da interface para o português brasileiro, que deve estar finalizada até o fim deste ano”, concluiu Nadya.

 

Acompanhe tudo sobre:GoogleGoogle DocsMicrosoft

Mais de Tecnologia

Quatro operadoras da China se unem para oferecer roaming 5G entre redes

Colher elétrica promete 'temperar' alimento sem utilizar mais sal

Plano do Instagram para engajar usuários pode dar certo?

Novo app permite instalar jogos retrô da Nintendo no iPhone; saiba como

Mais na Exame