Alternativa ao Google Docs e Microsoft Office chega ao Brasil

Onlyoffice Workplace é uma plataforma de edição de documentos e colaboração gratuita e está disponível em português

Google Docs e Microsoft Office terão um novo concorrente na disputa pela preferência do usuário brasileiro. Trata-se do Onlyoffice Workplace, pacote de produtividade de escritório com gerenciamento de documentos, de projetos, agenda, e-mail e rede empresarial.

Agora disponível em português, a plataforma espera conquistar o público brasileiro. "O Brasil é um mercado importante para a companhia e esperamos em poucos anos liderar este segmento no país. Temos o compromisso constante de aprimorar nossa plataforma e acreditamos que o modelo open source é a única potência tecnológica capaz de inovar na velocidade e alcance dos negócios digitais do mundo moderno”, disse Nadya Knyazeva, gerente de comunicação da empresa em entrevista ao site Olhar Digital.

A plataforma de código aberto, possui mais de sete milhões de usuários no mundo e pode ser usada em computadores pessoais, dispositivos móveis, redes locais e em nuvem pública. O Onlyoffice Docs é 100% compatível com os formatos do Microsoft Office, sendo assim, o usuário não precisa converter os arquivos para utiliza-los no Onlyoffice.

Onlyoffice Groups é a ferramenta de colaboração online gratuita do Workplace. Promete ser fácil de usar e instalar, além da possibilidade de ser reformulada de acordo com a necessidade do usuário. Gruops também garante segurança de dados e informações, com salas criptografadas para colaboração.

A plataforma promete combinar a qualidade dos formatos dos aplicativos da Microsoft com o poder colaborativo do Google Docs. “Queremos substituir o Microsoft Office, o Google Docs e dominar o mercado de aplicativos de escritório. Temos nos aprofundado para entender nossos usuários brasileiros e suas necessidades para atingir esse objetivo. O primeiro passo nessa direção é a tradução completa da interface para o português brasileiro, que deve estar finalizada até o fim deste ano”, concluiu Nadya.

 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 9,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.
Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.