Como as redes sociais ajudaram esse bistrô a vender 4 vezes mais

Donas de um Bistrô em São paulo, mãe e filha venderam 700 marmitas em uma semana após curso sobre uso das redes sociais nos negócios.

Quando começou a trabalhar com marmitas saudáveis na própria cozinha com sua mãe, em 2015, Monique Turquetti não imaginava o quanto seria difícil traçar uma estratégia certeira de vendas para fazer o negócio decolar. Entre erros e acertos, foi crescendo, abriu o Café Bistrô Saborear dois anos depois e passou a agregar valor ao que antes era apenas um serviço de produção e entrega.

Com o ponto físico na Chácara Santo Antônio, na zona sul de São Paulo, a empreendedora passou a oferecer café da manhã e almoço para trabalhadores das empresas da região e até mesmo ocupar seu espaço com pequenos eventos. “A marmita segue sendo o carro-chefe, mas hoje se completa com o bistrô. O pessoal adora, tanto que fazemos casamentos e aniversários para cerca de 60 pessoas”, comemora. Mas mesmo quando um empreendimento vai bem, sempre há espaço para melhorar.

Em 2018, visando aproveitar o mercado aquecido com as ofertas de Black Friday, Monique criou promoções e postou nas redes sociais, além de ter enviado uma única vez as informações para seus clientes no WhatsApp. “Foi muito fraco. Praticamente não tivemos retorno. Ficamos decepcionadas”, conta. Já em 2019 o jogo virou: buscou capacitação em um curso de marketing digital no Sebrae- SP e ainda participou de uma palestra específica sobre Black Friday com a consultora Ariadne Mecate, especialista em marketing no escritório do Sebrae em Santo Amaro, na zona sul de São Paulo. “Com as dicas da palestra e o conhecimento do curso conseguimos vender em apenas uma semana 700 marmitas, número que normalmente vendemos em um mês.”

Monique explica que resolveu aproveitar não apenas a sexta-feira de Black Friday, mas sim a semana inteira. Montou o cardápio com preços promocionais e criou um verdadeiro relacionamento com seu público às vésperas da semana de ofertas, até mesmo contatando cada cliente individualmente pelo WhatsApp.

“Começamos a anunciar em nossas redes sociais com antecedência dessa vez. Na semana específica avisamos os clientes na segunda e ainda relembramos na sexta que seria o último dia de promoção. Tivemos muito sucesso.”

Para a consultora do Sebrae-SP Ariadne Mecate, o grande diferencial da Monique foi utilizar o cadastro de clientes em sua estratégia digital. “Ela utilizou o cadastro de clientes de uma forma inteligente, analisando o gosto de cada um e atrelando ao produto certo de uma maneira que, muitas vezes, acabava levando o consumidor a outros produtos ao mesmo tempo”, explica.

“Não adianta entrar na Black Friday sem divulgar suas ofertas da maneira correta. Além da estratégia de redes sociais e WhatsApp, Monique ainda colocou as informações dentro do ponto de venda. É um conjunto de ações que geram o resultado final positivo”, completa a especialista. Pensando em 2020, Monique almeja um crescimento de 30% no faturamento, além de inaugurar um e-commerce para as marmitas.

“Queremos também trabalhar com mais estoque e entregas mais rápidas.” Segundo Ariadne, para que o Café Bistrô Saborear alcance seu objetivo de crescimento, além de seguir fazendo o que já deu certo, precisa ainda engajar cada vez mais seu público nas redes sociais com fotos mais produzidas, stories, continuar fazendo cadastro e segmentação dos clientes, além de promover degustações no ponto de venda e aproveitar outras datas comemorativas para mais promoções. “Vai dar certo. Estamos confiantes”, finaliza Monique.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.