Chilli Beans inaugura primeira loja na África

A unidade foi aberta no final de janeiro na cidade de Luanda, em Angola; mais duas lojas estão previstas para este ano

São Paulo – A rede de lojas de óculos Chilli Beans abriu sua primeira unidade em Angola no final de janeiro. Em 3 dias, a franquia faturou 15 mil dólares. A expectativa era chegar a 40 mil dólares no primeiro mês. “É muito louco abrir um ponto de venda em um mercado emergente e com sede de consumo de um país em construção”, conta Caito Maia, presidente da marca.

A meta da empresa é inaugurar mais duas lojas na África ainda este ano. “Existe uma carência de produtos lá”, justifica. O investimento foi de 150 mil reais. “Ficamos um ano ajeitando, mas como o país está formando leis ainda isso atrapalhou um pouco”, diz. A rede já tem vinte lojas em Portugal e duas nos Estados Unidos.

Quem está responsável pela franquia é um casal brasileiro. “Fizemos um estudo de mercado antes de ir para lá e o gerente das lojas do Brasil ajudou bastante no começo”, explica. Hoje a marca tem 322 unidades. “Queremos chegar a 400 unidades”, diz.

Além das três lojas em Angola, mais uma unidade internacional deve ser aberta em Los Angeles. No Brasil, o objetivo é estar em todos os novos shoppings que devem abrir nos próximos meses e investir em lojas de rua. “Acho que tem mercado e podemos expandir”, conta.

A rede foi criada em 1997 e vende óculos de sol e outros acessórios, como relógios. Hoje, são comercializados mais de 1 milhão de produtos por ano. A empresa foi uma das pioneiras em franquias quiosque. O primeiro modelo foi aberto em 2000, em São Paulo.

O valor exigido para a abertura de um quiosque – 120 mil reais – inclui o estoque inicial e o próprio quiosque. A Chilli Beans tem ainda um modelo de loja, que custa a partir de 300 mil reais.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.