Negócios

Sodexho compra VR por R$ 1 bilhão e vira líder no Brasil

Com a transação, grupo francês desbanca a Ticket Serviços, controlada pela Accor

EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

DR

Da Redação

Publicado em 17 de fevereiro de 2011 às 19h32.

A francesa Sodexho anunciou, nesta segunda-feira (17/9), a aquisição do grupo brasileiro VR por 1 bilhão de reais - cerca de 380 milhões de euros. O negócio significa a união do terceiro e do quarto colocados no mercado de vales-benefícios, como os vales-alimentação - a VR, com faturamento de 4 bilhões de reais, e a Sodexho, com 3,2 bilhões, respectivamente. A receita resultante da transação, 7,2 bilhões de reais, é suficiente para colocar o novo grupo na liderança do mercado brasileiro, desbancando de uma só vez duas outras gigantes do setor - a Ticket Serviços, controlada pelos franceses da Accor e até então a líder, com receita de 6 bilhões de reais; e a Visa Vale, até então segunda colocada, com faturamento de 4,8 bilhões.

O interesse dos franceses pela VR foi antecipado por EXAME em sua edição 898, no final de julho. De acordo com nota à imprensa divulgada pela Sodexho, com o negócio, a companhia passa a contar com 40.000 clientes no Brasil, concentrados em pequenas e médias empresas, totalizando 5 milhões de beneficiários. O interesse dos franceses pelo Brasil deve-se à força com que vêm crescendo nos últimos dois anos - uma taxa média de 10% ao ano. "O Brasil possui um potencial de mercado significativo e perspectivas de crescimento muito fortes", afirma a nota.

A Sodexho foi fundada em 1966 por Pierre Bellon e é uma das maiores empresas de gestão de benefícios de alimentação do mundo, com 332.000 funcionários em 80 países. No ano fiscal de 2006, encerrado em 31 de agosto, as vendas do grupo atingiram 12,8 bilhões de euros. Listada na Euronext Paris, seu valor de mercado é de 7,3 bilhões de euros.

A VR, criada em 1977, era controlada pela holding Szajman, da família de Abram Szajman, presidente da Federação do Comércio do Estado de São Paulo.

Com informações da Agência Estado.

Acompanhe tudo sobre:AccorEmpresasEmpresas francesasHotelariaSodexoTicket

Mais de Negócios

EXCLUSIVO: Natura prepara primeiro fundo de investimentos em startups; anúncio ocorrerá nesta semana

Essa startup quer fazer R$ 25 milhões com comida para pets que até você pode comer

Não invista em uma franquia sem antes responder a estas 4 perguntas

Conectarh discute como levar a Gestão Estratégica de Pessoas à mesa do CEO

Mais na Exame