Royal Bank of Scotland fecha unidades na Ásia

Medida é o mais recente passo para reduzir o tamanho da divisão de banco de investimento

Hong Kong/Cingapura - O Royal Bank of Scotland está fechando as unidades de mercado de capitais e finanças corporativas na Coreia do Sul e os negócios de câmbio na Indonésia, Coreia do Sul e Cingapura, o mais recente passo para reduzir o tamanho da divisão de banco de investimento.

A decisão ocorre após o recente acordo do banco britânico com o grupo CIMB para vender ativos asiáticos, sinalizando que o segundo maior banco da Malásia está de olho nos negócios do Royal Bank of Scotland em Hong Kong, Índia e Austrália para aumentar presença em banco de investimento na Ásia.

Uma porta-voz do banco britânico disse que 70 funcionários serão impactados pelo fechamento das unidades.

Uma parte significativa das operações do Royal Bank of Scotland está em Hong Kong, Cingapura, Austrália e Índia. O banco britânico está presente em 11 países da região, entre eles a China.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.