Negócios

Steve Jobs, da Apple, pode se tornar o maior acionista da Disney

Estúdio de animação Pixar, de Steve Jobs, pode ser vendido à Disney, em troca de ações da companhia

EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

DR

Da Redação

Publicado em 21 de junho de 2012 às 14h05.

Steve Jobs, fundador da Apple, pode se tornar o maior acionista individual da Walt Disney. A ascensão de Jobs ocorrerá caso seja concretizada a compra de seu estúdio de animação, a Pixar, pela Walt Disney. Como pagamento pela empresa, Jobs receberia o equivalente a 6,7 bilhões de dólares em ações da Walt Disney, segundo o americano The Wall Street Journal. Se concluído, o negócio ampliará ainda mais a influência de Jobs sobre o mundo da mídia.

As empresas são parceiras há mais de dez anos. A Disney distribuiu e financiou parte da produção de alguns dos maiores sucessos da Pixar, como Toy Story, Procurando Nemo e Os Incríveis. Dois anos atrás, em meio a divergências com o então presidente da Disney Michael Eisner, Jobs chegou a declarar que desmancharia a sociedade assim que o prazo do acordo terminasse, no fim de 2006, e procuraria outra distribuidora.

Desde que assumiu a presidência da Disney, em outubro, Robert Iger se esforça para tranqüilizar as relações entre as duas companhias. O convívio começou a melhorar nos últimos meses. Iger, por exemplo, permitiu que os seriados de TV Desesperate Housewives sucesso nos Estados Unidos e Lost fossem oferecidos para download nos tocadores de MP3 e vídeo iPod, produzidos pela Apple.

Para Jobs, a venda da Pixar representaria um modo de aumentar os investimentos na empresa, a fim de mantê-la competitiva no disputado mercado de animação. O empresário também tem interesse em participar do conselho de administração da Disney. Já para a Disney, a compra representaria uma possibilidade de assegurar produções bem-sucedidas no ramo da animação, um mercado que cresce a cada dia. Seu último lançamento, Chicken Little, ficou aquém das expectativas, alcançando apenas um relativo sucesso.

Acompanhe tudo sobre:AppleDisneyEmpresáriosEmpresasEmpresas americanasFusões e AquisiçõesPersonalidadesPixarSteve Jobs

Mais de Negócios

“É função dos empresários iniciar um novo RS”, diz CEO da maior produtora de biodiesel do país

Na Prosegur, os candidatos são avaliados pela simpática Rose, a chatbot do grupo

Baré, Fruki, Coroa, Jesus: conheça os refrigerantes de guaraná que bombam pelos estados do Brasil

De gravadora a companhia aérea: conheça Richard Branson, o bilionário que inspira os donos da Cimed

Mais na Exame