Negócios

Lucro da Rossi cai 10% no 2o tri para R$46 milhões

Companhia divulgou ainda alteração de estimativa para a relação entre dívida líquida e patrimônio para entre 105% e 115%


	Rossi: geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização somou R$85 milhões, recuo de 30% sobre o segundo trimestre de 2012
 (Germano Lüders/EXAME.com)

Rossi: geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização somou R$85 milhões, recuo de 30% sobre o segundo trimestre de 2012 (Germano Lüders/EXAME.com)

DR

Da Redação

Publicado em 15 de agosto de 2013 às 08h16.

São Paulo - A construtora Rossi divulgou no final da quarta-feira lucro líquido de 46 milhões de reais, recuo de 10 por cento sobre o mesmo período do ano passado, em meio a uma queda na geração de caixa.

A companhia divulgou ainda alteração de estimativa para a relação entre dívida líquida e patrimônio para entre 105 e 115 por cento, ante 85 a 95 por cento previstos anteriormente.

Segundo a Rossi, a revisão na projeção resultou no descolamento de 500 milhões de reais de geração de caixa que estavam previstos para o segundo semestre deste ano, para o ano de 2014.

A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) somou 85 milhões de reais, recuo de 30 por cento sobre o segundo trimestre de 2012. Em termos ajustados, o Ebitda teve queda de 21 por cento no período, para 156 milhões de reais.

Acompanhe tudo sobre:BalançosConstrução civilConstrutorasEmpresasRossi

Mais de Negócios

De pequena lanchonete à franquia bilionária: o que o sucesso do McDonald’s ensina aos empreendedores

Desenrola Pequenos Negócios renegocia R$ 1,25 bilhão até 12 de junho

Executivos veem a inteligência artificial como um “divisor de águas”

Para onde vai o lixo que foi multiplicado pelas enchentes no Rio Grande do Sul?

Mais na Exame