Negócios

Jelly vira franquia máster da Grendene

Acordo assinado entre as companhias transforma a Jelly em máster franqueada da Grendene

Campanha publicitária da Melissa, marca de sapatos da Grendene: Companhia pretende abrir mais de 100 lojas da marca nos próximos cinco anos (Melissa/Grendene/Divulgação)

Campanha publicitária da Melissa, marca de sapatos da Grendene: Companhia pretende abrir mais de 100 lojas da marca nos próximos cinco anos (Melissa/Grendene/Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 16 de julho de 2012 às 19h08.

São Paulo – Para expandir os canais de distribuição de seus produtos, a Grendene transformou a franqueadora e distribuidora Jelly em sua máster franqueada. Segundo comunicado nesta segunda-feira à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), foi assinado um memorando de entendimentos no qual suas lojas passarão a compor uma rede de franquias Melissa.

Atualmente, 42 lojas franqueadas estão sob administração e concessão da Jelly. Espalhadas em 23 cidades brasileiras, elas vendem apenas produtos da marca Melissa (que pertence à Grandene). Segundo a empresa, no ano passado, foram 620 mil pares de sapatos vendidos pela franqueadora.

Com a mudança, a companhia pretende agregar mais 150 lojas Melissa em cinco anos. A Jelly deverá abrir essas novas lojas inclusive por meio de sub-franqueados. Além disso, a marca passará a ser exclusivamente da Grendene.

Acompanhe tudo sobre:AcessóriosCalçadosEmpresasFranquiasGrendeneRoupas

Mais de Negócios

A rota da KLM para transformar viagens em conexões inesquecíveis

De pequena lanchonete à franquia bilionária: o que o sucesso do McDonald’s ensina aos empreendedores

Desenrola Pequenos Negócios renegocia R$ 1,25 bilhão até 12 de junho

Executivos veem a inteligência artificial como um “divisor de águas”

Mais na Exame