HP cortará até 9 mil vagas em reestruturação

A fabricante norte-americana de computadores pessoais disse que cortará até 16% de sua força de trabalho para reduzir custos

A fabricante norte-americana de computadores pessoais HP disse na quinta-feira que cortará até 16% de sua força de trabalho para reduzir custos.

A empresa cortará entre 7 mil e 9 mil empregos por meio de uma combinação de demissões e aposentadorias antecipadas voluntárias, informou em comunicado.

A HP estima que o plano resultará em uma economia bruta anual de cerca de 1 bilhão de dólares até o final do ano fiscal de 2022, acrescentou.

A empresa tinha cerca de 55 mil funcionários em todo o mundo em 31 de outubro, de acordo com um documento enviado à Securities and Exchange Commission. Isso significa até 16% do quadro de pessoal sendo cortado, segundo cálculo da Reuters.

Em conexão com a reestruturação, a HP disse que espera incorrer em um custo total de cerca de 1 bilhão de dólares, dos quais 100 milhões serão realizados quando divulgar seus resultados de quarto trimestre.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?

Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?

Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.