Negócios

Grupo Suzano e Helbor criam incorporadora de R$ 1,4 bilhão

Batizada de Alden, nova empresa terá gestão compartilhada

Projeto da Helbor: permuta de terrenos com Grupo Suzano deu origem à parceria (Divulgação)

Projeto da Helbor: permuta de terrenos com Grupo Suzano deu origem à parceria (Divulgação)

Tatiana Vaz

Tatiana Vaz

Publicado em 31 de janeiro de 2012 às 09h34.

São Paulo - O Grupo Suzano, por meio da IPLF Holding, acaba de fechar uma parceria com a incorporadora Helbor para estrear no mercado de construção. Juntas, elas formarão a Alden Desenvolvimento Imobiliário, que fará incorporações e loteamentos de empreendimentos imobiliários em todo território nacional.

Cada um dos sócios terá 50% das cotas da nova empresa, que será gerida de maneira compartilhada. A Alden nasce com a previsão de quatro lançamentos, até 2014, que somam um VGV (Valor Global de Vendas) de 1,4 bilhão de reais.

Os imóveis lançados serão tanto comerciais, quanto residenciais. Dois deles serão erguidos na cidade paulista de Mogi das Cruzes, onde fica a sede da incorporadora Helbor.

O Grupo Suzano já fazia permuta de alguns de seus terrenos com a Helbor há cerca de dez anos. A criação da nova companhia em conjunto estaria baseada nas perspectivas das empresas de crescimento deste setor nos próximos anos.

Acompanhe tudo sobre:acordos-empresariaisConstrução civilEmpresasEmpresas abertasEmpresas brasileirasHelborIndústriaIndústrias em geralMadeiraPapel e Celulosesuzano

Mais de Negócios

Apple mantém diálogos com concorrente Meta sobre IA

30 franquias baratas para começar a empreender a partir de R$ 9.500

Empreendendo no mercado pet, ele saiu de R$ 50 mil para R$ 1,8 milhão. Agora, aposta em franquias

Ele quer chegar a 100 lojas e faturar R$ 350 milhões com produtos da Disney no Brasil

Mais na Exame