Negócios

Google recomenda home office a todos os funcionários da América do Norte

Nova recomendação é uma expansão de um aviso similar dado aos funcionários da empresa na região de São Francisco, na Califórnia

Google: funcionários devem procurar fazer trabalho remoto até 10 de abril (Stephen Lam/Reuters)

Google: funcionários devem procurar fazer trabalho remoto até 10 de abril (Stephen Lam/Reuters)

R

Reuters

Publicado em 11 de março de 2020 às 11h02.

Singapura — O Google está recomendando a todos os funcionários da América do Norte para trabalharem de casa se suas funções permitirem, informou a companhia nesta terça-feira, em medida para minimizar o risco de contágio do novo coronavírus.

A nova recomendação é uma expansão de um aviso similar dado aos funcionários da empresa na região de São Francisco, na Califórnia.

A Business Insider publicou que o Google enviou mensagem a dezenas de milhares de funcionários na América do Norte com recomendação para que trabalhem remotamente até pelo menos 10 de abril.

O Google também informou que está montando um fundo para que todos os funcionários temporários possam ter direito à licença remunerada se mostrarem sintomas do vírus ou não puderem trabalhar se forem colocados em quarentena.

Acompanhe tudo sobre:CoronavírusGoogle

Mais de Negócios

Delivery e margens apertadas: franquias de alimentação faturam R$ 61,9 bi, mas custos preocupam

Após aporte de R$ 530 mi, Sólides cria superapp para se aproximar de funcionários dos clientes

Mounjaro, rival do Ozempic, pode chegar ao Brasil; veja preço

Brasil tem o mais alto nível de insegurança ecológica e climática do mundo

Mais na Exame