Acompanhe:
seloNegócios

Fundos investem na Coteminas

Credit Suisse Hedging-Griffo atinge 12% de participação no capital social da empresa

Modo escuro

Continua após a publicidade
EXAME.com (EXAME.com)

EXAME.com (EXAME.com)

D
Da Redação

Publicado em 30 de março de 2011 às, 12h34.

Os fundos e clubes de investimentos administrados pela Credit Suisse Hedging-Griffo (CSHG) atingiram 11,94% de participação no capital social da Coteminas (Companhia Tecidos Norte de Minas), fabricante de produtos têxteis controlada pela família do vice-presidente da República, José Alencar. Em nota divulgada pela Coteminas nesta terça-feira (11/8), a empresa informa que a CSHG passa a deter 16,27% do total de ações preferenciais emitidas pela companhia mineira.

Uma pesquisa feita pela consultoria Economática no final de julho mostrou que as ações da Coteminas, junto com outros 89 papéis negociados na Bovespa, podem ser consideradas baratas. Isso porque o patrimônio da empresa mineira (que engloba fábricas, máquinas e equipamentos.) é maior que seu valor de mercado.

Na Bovespa, as ações preferenciais da Coteminas (CTNM4) eram negociadas nesta terça-feira em queda de 0,5%, a 5,96 reais.

Varejo
A procura pelas ações da Coteminas pode estar relacionada à estreia da empresa no varejo, após assumir, em abril deste ano, o controle de 65% da rede de lojas MMartan, especializada em artigos de cama, mesa e banho.

A Coteminas pagou 55 milhões de reais para assumir o controle da rede de lojas, o que deve encurtar o caminho entre o chão de fábrica e a casa do consumidor. "O que nos encantou foi o esmero no desenvolvimento dos produtos. Será uma forma de aperfeiçoarmos nossas coleções", disse o presidente da Coteminas, Josué Gomes da Silva, filho de José Alencar, na ocasião. À época da aquisição, Silva disse ainda que a empresa promoveria a expansão internacional da marca MMartan.
 

Últimas Notícias

Ver mais
Biomm vai trazer similar do Ozempic ao Brasil; ação dispara 38%
Exame IN

Biomm vai trazer similar do Ozempic ao Brasil; ação dispara 38%

Há 10 horas

Quem poderia levar os hospitais da Dasa? O Itaú BBA tem seu palpite
Exame IN

Quem poderia levar os hospitais da Dasa? O Itaú BBA tem seu palpite

Há 18 horas

Efeito Samba: ações da Adidas sobem 6% após perspectiva de lucro ficar acima do esperado
seloMercados

Efeito Samba: ações da Adidas sobem 6% após perspectiva de lucro ficar acima do esperado

Há 21 horas

Nubank aumenta aposta e aporta US$ 100 milhões na operação do México
Exame IN

Nubank aumenta aposta e aporta US$ 100 milhões na operação do México

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais