Negócios

FIA confirma Pirelli como fornecedora de pneus para F1

Federação Internacional de Automobolismo e a Pirelli renovaram o acordo pelo qual a companhia seguirá como única fornecedora de pneus para a Fórmula 1


	Pneus da Pirelli: a partir da temporada de 2014, Pirelli fornecerá os pneus da F1 por três anos
 (Drew Gibson/Getty Images)

Pneus da Pirelli: a partir da temporada de 2014, Pirelli fornecerá os pneus da F1 por três anos (Drew Gibson/Getty Images)

DR

Da Redação

Publicado em 16 de janeiro de 2014 às 10h25.

Roma - A Federação Internacional de Automobolismo (FIA) e a Pirelli renovaram nesta quinta-feira o acordo pelo qual a companhia italiana seguirá como única fornecedora de pneus para a Fórmula 1 durante três anos, a partir da temporada de 2014.

Em comunicado de imprensa conjunto, as duas entidades informaram sobre o acordo após a decisão do World Motor Sport Council, organismo executor da FIA, e confirmou a empresa italiana como fornecedora única de pneus para o Campeonato Mundial de Fórmula 1.

"A Federação e a Pirelli, em colaboração com as equipes, trabalharam juntas para melhorar a segurança e o rendimento do Campeonato de Formula 1", lembra o comunicado.

"Para isso, foram introduzidas mudanças importantes no Regulamento Deportivo da FIA relativas aos testes de pneus, o que permitirá a Pirelli continuar com seu compromisso de fornecedor exclusivo de pneus de uma maneira rentável, com aprovação de todas as partes interessadas", continua.

Portanto, a Pirelli continuará como encarregada de supervisionar as características dos pneus e de tramitar todos os aspectos no desenvolvimento destes, em colaboração com a FIA e as respectivas equipes.

Além disso, a multinacional milanesa e a Federação se comprometeram a discutir uma maneira de criar uma associação conjunta no âmbito da segurança viária como parte da "Ação FIA para a Segurança Viária".

As novas normas introduzidas pela FIA para a temporada 2014 prevêem que um dos 12 dias de prova coletivas de equipe em pré-temporada seja dedicado exclusivamente aos pneus de chuva e que em cada um dos oito dias de provas durante a temporada, pelo menos uma equipe, até um máximo de duas, participe das provas de pneus junto com os técnicos de Pirelli.

Acompanhe tudo sobre:AutomobilismoEmpresasEmpresas italianasEsportesFIAFórmula 1Pirelli

Mais de Negócios

11 franquias baratas para trabalhar sem funcionários a partir de R$ 2.850

Inteligência Artificial no Brasil: inovação, potencial e aplicações reais das novas tecnologias

Mundo sem cookies: as big techs estão se adequando a uma publicidade online com mais privacidade

Ligadona em você: veja o que aconteceu com a Arapuã, tradicional loja dos anos 1990

Mais na Exame