Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

Extra aposta em preço de atacado para reter cliente em meio à concorrência

Novo posicionamento apresenta dois preços na gôndola (preço varejo e preço atacado) dos hipermercados, mas eles não estão migrando para modelo atacarejo

A rede de supermercados Extra, do Grupo de Açúcar, decidiu fazer uma aposta agressiva para posicionar seus hipermercados na briga pelos clientes.

Desde julho do ano passado, a marca tem testado preços de atacado em produtos da alimentação básica nas suas lojas. O sistema deu certo e nesta semana foi implementado em todas as 103 instalações do país.

O novo posicionamento apresenta dois preços na gôndola (preço varejo e preço atacado) e, segundo a empresa, os clientes têm uma economia de até 15% nos itens quando decidem comprar em maior quantidade.

Se o cliente levar um produto, o valor será um, mas mais quantidades oferecerão um desconto. Segundo a empresa, isso não significa a redefinição do modelo dos hipermercados para o atacarejo, até porque toda a experiência de compra e a organização dos produtos continua a mesma. Entre os itens, estão os alimentos industrializados, de limpeza e de perfumaria.

A aposta do Grupo Pão de Açúcar é na evolução do hipermercado, segundo Lucas Zanon, Diretor de Operações do Extra Hiper. Segundo ele, a empresa percebeu que precisava se reposicionar e se adaptar à realidade brasileira atual, em que as pessoas buscam preço baixo e a competitividade está alta.

"É para o cliente que precisa de preço e que sabe que precisa da experiência do hipermercado. Pretendemos trazer de volta esse cliente que eventualmente que foi para o atacado", explica.

As lojas que foram usadas em 2020 para testar a estratégica se mostraram ser um sucesso e apresentam um crescimento de 25% em vendas e 40% em volume.

Nos últimos anos, o Extra investiu em campanhas parecidas, que oferecia preços baixos quando o cliente comprava dois ou três produtos, mas desta vez o diferença é que á régua é o preço do atacado.

Além de manter a experiência do hipermercado, a empresa está investindo mais nos produtos frescos e perecíveis.

Com a nova estratégia, o GPA pretende reforçar que a marca Extra é de produtos baratos, retomando sua proposta inicial, o que é fundamental em um cenário mais competitivo. Nas últimas semanas, o anúncio da futura compra do BIG pelo Carrefour reforçou a concorrência entre os grandes grupos varejistas.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também