Negócios

Oracle é condenada a pagar US$ 3 bilhões à HP Entreprise

Grupo de software Oracle foi condenado pela Justiça dos Estados Unidos a pagar US$ 3 bilhões à HP Enterprise


	Oracle: empresa afirmou que vai recorrer da decisão judicial
 (Stephen Lam/Reuters)

Oracle: empresa afirmou que vai recorrer da decisão judicial (Stephen Lam/Reuters)

DR

Da Redação

Publicado em 1 de julho de 2016 às 07h48.

O grupo de software Oracle deverá pagar 3 bilhões de dólares por danos e prejuízos à Hewlett Packard Enterprise (HPE), segundo decisão judicial sobre o caso envolvendo programas para servidores que operam com o microprocessador Itanium, revela nesta quinta-feira The Wall Street Journal.

Um tribunal da Califórnia deu razão à HPE ao considerar que a Oracle violou um contrato ao qual os dois grupos estavam submetidos quando a empresa decidiu, em 2011, deixar de desenvolver software e bases de dados para os servidores da Hewlett Packard que funcionavam com microprocessadores Itanium.

A empresa HP Enterprise, que oferece serviços e desenvolve sistemas de servidores, foi resultado da divisão, em novembro, do grupo Hewlett Packard.

O julgamento começou em 2011, quando a Hewlett Packard apresentou uma ação contra a Oracle em um tribunal do condado de Santa Clara, na Califórnia.

Oracle informou que apelará da sentença.

Acompanhe tudo sobre:EmpresasEmpresas americanasempresas-de-tecnologiaHPOracleServiçosSoftwareTecnologia da informação

Mais de Negócios

Os engenheiros da saúde: como essa startup quer evitar perdas financeiras nos hospitais

IBM aposta em padrões abertos para incentivar o uso em escala da IA

Como a Renova Invest se mantém entre as melhores assessorias há 5 anos

Para além da Heineken na hora do aperto: o Rappi Turbo quer virar o seu próximo mercadinho de bairro

Mais na Exame