Negócios

Energisa e Rede concluem venda de Tangará para a Brookfield

A operação envolveu a venda pela Rede de pelo menos 95,23 por cento do capital social da Tangará Energia para a Turmalina Energética


	Energisa: a Energisa e a Rede Energia haviam anunciado em novembro de 2014 a venda de uma série de ativos
 (Divulgação)

Energisa: a Energisa e a Rede Energia haviam anunciado em novembro de 2014 a venda de uma série de ativos (Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 20 de maio de 2015 às 09h25.

São Paulo - A Energisa e a Rede Energia informaram nesta quarta-feira terem concluído venda de ativos de energia por 430 milhões de reais para a Turmalina Energética, controlada indireta da Brookfield Renewable Energy Partners.

A operação envolveu a venda pela Rede de pelo menos 95,23 por cento do capital social da Tangará Energia para a Turmalina Energética, segundo fato relevante.

Do total de 430 milhões de reais, 250,1 milhões de reais foram transferência de dívidas, 171,3 milhões recebidos nesta quarta-feira via ações e 8,6 milhões de reais por ações vinculadas ao direito de preferência.

Ainda serão alienados 4,77 por cento remanescentes do capital social da Tangará Energia após prazo de 30 dias contados a partir desta quarta-feira para manifestação pelos acionistas minoritários da Rede do interesse em exercer o direito de preferência na aquisição dos papéis da Tanguará.

"Essa transação, em conjunto com a alienação dos demais ativos de geração (...), permitirá ao grupo Energisa reforçar sua estrutura de capital, reduzindo de forma relevante sua alavancagem, após o esforço relacionado à aquisição do grupo Rede", disse a companhia.

A Rede Energia está em recuperação judicial. A Energisa e a Rede Energia haviam anunciado em novembro de 2014 a venda de uma série de ativos, por 1,4 bilhão de reais, para a Brookfield Renewable Energy Partners, da qual faz parte a operação envolvendo a Tangará Energia.

Acompanhe tudo sobre:BrookfieldConstrução civilEmpresasEnergia elétricaEnergisaRede EnergiaServiços

Mais de Negócios

40 franquias baratas para quem quer deixar de ser funcionário a partir de R$ 2.850

Ele cansou de trabalhar em telecom. Agora, faz mais de R$ 1 mi com franquia de serviços automotivos

“É função dos empresários iniciar um novo RS”, diz CEO da maior produtora de biodiesel do país

Na Prosegur, os candidatos são avaliados pela simpática Rose, a chatbot do grupo

Mais na Exame