Negócios

Dufry planeja voos mais altos no Brasil

Com participação de Abilio Diniz, companhia suíça quer aumentar presença em duty free, fronteiras e mercado de grifes de luxo

Dufry: além de free shops, lojas sem isenção de impostos também estão na mira da firma europeia (Divulgação)

Dufry: além de free shops, lojas sem isenção de impostos também estão na mira da firma europeia (Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 27 de novembro de 2013 às 09h00.

São Paulo - A Dufry planeja abrir lojas de free shop nas fronteiras do país - além de 15 lojas de grife e seis lojas Hudson em São Paulo. As medidas fazem parte do plano de expansão para o Brasil da companhia suíça, que teve 5,22% de participação adquirida por Abilio Diniz e o fundo Tarpon em outubro - conforme noticiou a última edição da revista EXAME. 

"Estamos entusiasmados com as recentes conquistas e ao mesmo tempo, confiantes neste desafio", afirmou Julian Diaz, diretor-presidente da Dufry em comunicado. Segundo ele, o desafio não se limita a abrir novas unidades de free shop nos aeroportos do país. De acordo com Diaz, lojas sem isenção de impostos também estão na mira da empresa - visto que 90% dos passageiros brasileiros voam dentro do próprio país.

Em setembro, a empresa fechou contratos de dez anos para operar em quatro aeroportos brasileiros e abriu uma filial em Goiânia (GO).

De olho

Além do Brasil, a Dufry está de olho nos mercados asiáticos. Só em 2013, a empresa fechou contratos em Bali, Cazaquistão, China, Coreia do Sul, Sri Lanka e Taiwan. Pelas projeções da companhia, os acordos resultarão na abertura de 140 lojas em 14 diferentes localidades - que devem gerar faturamento na casa dos 630 milhões de reais.

Entre janeiro e setembro, a Dufry faturou cerca de 6,7 bilhões de reais - um aumento de 14% em relação ao mesmo período do ano passado. Entre os destaques da rede, está a operação na Grécia - adquirida em abril.

Só no Brasil, a receita da empresa foi de 1,3 bilhão de reais. Entretanto, a soma esconde uma queda de faturamento de 28,5 milhões de reais no país na comparação com 2013. "A grande volatilidade do Real contra o Dólar no terceiro trimestre continuou a impedir resultados melhores nesta região", afirmou a empresa.

Entretanto, a Dufry destaca o sucesso da primeira fase da expansão da nova loja no aeroporto de Guarulhos. "Inaugurada em Agosto, vem apresentando bons resultados com recente crescimento de dois dígitos", garante a empresa.

Em setembro, parceria entre a Dufry e as Lojas Franca foi aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Acompanhe tudo sobre:Abilio DinizBilionários brasileirosDufryEmpresáriosEmpresasPersonalidadesVarejo

Mais de Negócios

“Vamos investir 800 milhões de dólares para transição de veículos elétricos”, diz CEO global do Uber

Universidade aposta em software com IA para aumentar a segurança no campus

Sebrae promove evento gratuito sobre sustentabilidade para pequenos negócios. Inscreva-se

Os CEOS mais bem pagos em 2023 nos EUA

Mais na Exame