Negócios

CVC Brasil encerra operações da Almundo no México e na Colômbia

A empresa citou o baixo volume de vendas e efeito da pandemia da covid-19 para justificar a decisão

REUTERS/Ueslei Marcelino (Ueslei Marcelino)

REUTERS/Ueslei Marcelino (Ueslei Marcelino)

R

Reuters

Publicado em 18 de dezembro de 2020 às 15h02.

A CVC Brasil comunicou nesta sexta-feira que vai descontinuar as operações de sua subsidiária Almundo no México e na Colômbia, que atuam exclusivamente no segmento online, citando baixo volume de vendas e efeito da pandemia da covid-19.

Os impactos nos resultados para a conclusão deste processo, de acordo com a operadora de turismo, serão principalmente 23 milhões de reais em impairment de ativos locais, e 3 milhões de reais em despesas legais, indenizações e outras.

De acordo com o comunicado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), as operações da Almundo no Brasil serão transferidas para o Submarino Viagens, uma vez que a empresa procura sinergias administrativas, tecnológicas e comerciais.

"Estimamos que a implementação dessas ações seja concluída no primeiro trimestre de 2021", acrescentou.

Acompanhe tudo sobre:ColômbiaCoronavírusCVCMéxicoPandemia

Mais de Negócios

Os engenheiros da saúde: como essa startup quer evitar perdas financeiras nos hospitais

IBM aposta em padrões abertos para incentivar o uso em escala da IA

Como a Renova Invest se mantém entre as melhores assessorias há 5 anos

Para além da Heineken na hora do aperto: o Rappi Turbo quer virar o seu próximo mercadinho de bairro

Mais na Exame