Negócios
Acompanhe:

Cade aprova entrada do Safra em subsidiária da CPFL-R

Cade aprovou a entrada do banco Safra no capital da Companhia Hidroelétrica Figueirópolis, subsidiária da CPFL Energias Renováveis


	CPFL: subsidiária opera pequena central hidrelétrica no Mato Grosso do Sul
 (Silvia Zamboni/EXAME.com)

CPFL: subsidiária opera pequena central hidrelétrica no Mato Grosso do Sul (Silvia Zamboni/EXAME.com)

L
Luci Ribeiro

Publicado em 29 de agosto de 2016, 09h32.

Brasília - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a entrada do Banco Safra no capital social da Companhia Hidroelétrica Figueirópolis, subsidiária da CPFL Energias Renováveis que opera a Pequena Central Hidrelétrica Figueirópolis em barragem instalada entre os municípios de Figueirópolis D'Oeste e Indiavaí, no Estado de Mato Grosso do Sul.

A decisão do Cade consta de despacho no Diário Oficial da União (DOU).

No fechamento da operação, o Safra deterá ações preferenciais representativas de aproximadamente 39,41% do capital social total da companhia.