Live icon 

ELEIÇÕES 2022:  

Lula e Bolsonaro vão disputar o segundo turno Veja agora.

Audi vai voltar a produzir no Brasil em 2022

A empresa não informou o valor a ser investido na retomada da produção, que ainda depende de acordos com o governo federal
 (Audi/Divulgação)
(Audi/Divulgação)
R
Reuters

Publicado em 14/12/2021 às 13:20.

Última atualização em 15/12/2021 às 10:26.

A montadora de veículos de luxo Audi anunciou nesta terça-feira que vai reiniciar a produção de modelos no país em meados de 2022 no complexo fabril conjugado com sua controladora, a Volkswagen, em São José dos Pinhais (PR).

A Audi tinha paralisado sua linha de produção paranaense em 2020, com o fim do ciclo de produto da versão anterior do utilitário Q3 e após o término do ciclo do sedã A3, em 2019.

A empresa não informou o valor a ser investido na retomada da produção, que ainda depende de acordos com o governo federal, algo que deve ser concluído no próximo ano.

O anúncio ocorreu depois que, em meados de novembro, a Volkswagen anunciou suspensão de produção no complexo de São José dos Pinhais por conta de falta de componentes eletrônicos.

As modelos a serem produzidos na linha da Audi serão a nova geração do Q3 e Q3 Sportback, com motores importados.

A nova geração do Q3 foi lançada no Brasil no início do ano passado e se tornou o modelo mais vendido da Audi no país. Nos primeiros 11 meses de 2021, as vendas do Q3 somam 2.027 unidades, segundo dados da associação de concessionárias Fenabrave. Na mesma categoria de SUVs, a liderança é do Jeep Renegade, da Stellantis, com 69,6 mil emplacamentos.

A Audi começou a produzir em São José dos Pinhais em 1999. O modelo A3 de primeira geração nacional foi montado na unidade até 2006. Em 2012, com o programa de incentivo ao setor automotivo Inovar Auto, a Audi voltou a montar carros na unidade e injetou 150 milhões de euros na fábrica que retornou operação em 2015 até ser novamente suspensa em 2019.