Negócios
Acompanhe:

Alpargatas venderá Osklen em transação que avalia marca em R$ 400 mi

O Grupo Dass, que fez a oferta vinculante, tem direitos sobre as marcas Fila e Umbro

Osklen: pagamento será feito em até quatro anos do recebimento da proposta (Brenna Weeks/Getty Images)

Osklen: pagamento será feito em até quatro anos do recebimento da proposta (Brenna Weeks/Getty Images)

R
Reuters

1 de novembro de 2021, 19h40

A Alpargatas anunciou nesta segunda-feira que recebeu oferta vinculante do Grupo Dass para vender sua fatia de 60% na marca Osklen, numa transação que avalia a empresa em até 400 milhões de reais.

O Grupo Dass tem direitos sobre as marcas Fila e Umbro. A oferta, segundo a Alpargatas, envolve uma parte fixa de 300 milhões de reais, a ser paga em três parcelas, e uma parte variável de até 100 milhões, "condicionada ao atingimento de determinadas metas durante os exercícios de 2022 e 2023.

  • Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso.

O pagamento será feito em até quatro anos do recebimento da proposta, com a devida correção monetária, na proporção da participação da companhia [Alpargatas]".

Em setembro, o presidente executivo da Alpargatas, Beto Funari, afirmou à Reuters que era uma marca que fazia parte da "estratégia de 'power house'" da companhia.

Nesta segunda, a Alpargatas afirmou que a venda de sua fatia na marca "está em linha com o planejamento estratégico, que prevê crescimento orgânico, por meio da expansão de Havaianas... e também no crescimento inorgânico da companhia, por meio de novas marcas, novos produtos ou novas soluções digitais".