Negócios

Accor investe mais de R$ 245 milhões em 11 hotéis no Brasil

Dinheiro será investido em hotéis em cidades como Araraquara, Botucatu, Campinas, Cotia, Itu, Pindamonhangaba, Sorocaba e Tatuí, todas do interior de São Paulo


	Accor: empresa investirá com força no interior de São Paulo
 (Accor/Divulgação)

Accor: empresa investirá com força no interior de São Paulo (Accor/Divulgação)

DR

Da Redação

Publicado em 9 de janeiro de 2014 às 15h29.

São Paulo - A Accor anunciou hoje a construção de 11 novos hotéis no interior de São Paulo até 2017, em um investimento que ultrapassará os 245 milhões de reais.

Em comunicado à imprensa, a companhia afirmou que o objetivo é se firmar como líder do setor de hotelaria nas principais regiões metropolitanas de São Paulo.

Sete cidades estão nos planos da empresa: Sorocaba, Campinas, Pindamonhangaba, Araraquara, Cotia, Itu e Tatuí. A maior parte dos investimentos irá para novas unidades do Ibis budget - antigo Formule 1 - a marca mais econômica do grupo.

Além de algumas unidades Ibis tradicional, a Accor lançará no Brasil ainda este ano o Ibis Styles, que será construído em Campinas.

Além das novas unidades a serem construídas, a empresa espera inaugurar diversas novas unidades. 

“A Accor tem crescido muito nos últimos anos, e atualmente nossas marcas estão presentes em 78 cidades, e em 2017 estaremos em 121, com a previsão de abertura de mais de 130 hotéis”, diz Abel Castro, diretor de Desenvolvimento de Novos Negócios para a América Latina.

A expansão, porém, não aproveitará a explosão de demanda que haverá no país com a Copa do Mundo. As primeiras unidades estão previstas para ficar prontas só em 2015.

Acompanhe tudo sobre:AccorEmpresasEmpresas francesasEstado de São PauloHotéisHotelaria

Mais de Negócios

Com doações da Gerdau e da Vale, novo fundo mira R$ 100 milhões para ajudar a reconstruir o RS

“Sem dados não é possível fazer a comparação da energia que merecemos”, diz especialista da Globant

O plano de R$ 250 milhões da dona dos sorvetes Nestlé para ganhar a liderança do mercado no Brasil

5 tipos de embalagens de alimentos para priorizar nas compras do supermercado

Mais na Exame