Terremotos no Nepal causaram danos em 242 templos do Tibete

Todos os templos ficam na comarca de Xigaze, no sudoeste do Tibete, junto à face norte do Everest

Pequim - Os terremotos que atingiram o Nepal em 25 de abril e 12 de maio causaram danos em 242 templos na vizinha região do Tibete (sudoeste da China), informou nesta terça-feira o escritório de assuntos religiosos dessa divisão administrativa.

Os tremores, que deixaram 25 mortos e cerca de 800 feridos no Tibete, obrigaram o realojamento de 2.566 monges budistas desses templos em refúgios temporários, destacou o organismo à agência "Xinhua".

Todos os templos ficam na comarca de Xigaze, no sudoeste do Tibete, junto à face norte do Everest.

Um dos recintos religiosos danificados é o Templo de Qoigar, cujo abade, Jamba Gonbo, relatou à "Xinhua" que os tremores tinham danificado pelo menos 20 estátuas de Buda e derrubado completamente a zona de dormitórios dos monges, por isso que estes foram transferidos a acampamentos em zonas seguras.

Os terremotos, que deixaram cerca de 9 mil mortos no vizinho Nepal, afetaram cerca de 300 mil tibetanos, dos quais 52 mil tiveram que ser realojados.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.