Mundo

Nova York tem um milionário a cada 24 moradores, diz estudo

Depois da Big Apple, a Bay Area da Califórnia tem a segunda maior parcela de milionários – 305,7 mil

Vista da Brooklyn Bridge, em Nova York, cidade com mais ricos no mundo, segundo estudo (Leandro Fonseca/Exame)

Vista da Brooklyn Bridge, em Nova York, cidade com mais ricos no mundo, segundo estudo (Leandro Fonseca/Exame)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 13 de maio de 2024 às 11h32.

Última atualização em 13 de maio de 2024 às 11h49.

Nova York é a cidade com mais milionários no mundo. As informações são do novo ranking  da Henley and Partners, empresa que fornece serviços de residência e cidadania.

Aproximadamente 350 mil, ou um a cada 24 moradores da Big Apple, tem US$ 1 milhão ou mais como patrimônio. Nova York também tem 60 bilionários. O total de riqueza dos habitantes da cidade supera os US$ 3 trilhões.

Outro destaque no ranking foi Miami, apelidada de "Wall Street do Sul" já que muitas empresas financeiras passaram a se instalar na Flórida. O fundo hedge do bilionário Ken Griffin, por exemplo, recentemente saiu de Chicago e foi para a Flórida. Miami ficou em 33º lugar na lista, com 35,3 mil milionários, um aumento de 78% em relação a 2013.

Depois de Nova York, a Bay Area da Califórnia tem a segunda maior parcela de milionários – 305,7 mil. Tóquio ficou em terceiro lugar, seguida por Singapura.

Londres encarou uma diminuição de 10% no número de milionários desde 2013, segundo o levantamento, deixando-a na quinta posição. Na parte continental da Europa, Paris é a cidade mais rica e sétima no ranking geral.

No Oriente Médio, Dubai é de longe a cidade mais rica da região. Sua população de milionários disparou 78% na última década.

Acompanhe tudo sobre:Nova YorkBilionários

Mais de Mundo

Trump pede apoio de evangélicos nas eleições de novembro

Bombardeio aéreo russo atinge prédio residencial e deixa três mortos e 37 feridos, afirma Ucrânia

Egito quer penalizar empresas turísticas pelas mortes de peregrinos em Meca

Governo colombiano inicia diálogo com dissidência das Farc

Mais na Exame