Emboscada do Estado Islâmico mata 8 soldados na Síria

A emboscada aconteceu nesta quinta-feira na província de Deir ez Zor, na fronteira com o Iraque e o número de mortos deve aumentar

Beirute - Pelo menos oito combatentes das forças leais ao presidente da Síria, Bashar al Assad, morreram nesta quinta-feira em uma emboscada realizada por jihadistas do Estado Islâmico (EI) no nordeste do país, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

A emboscada aconteceu a sudeste da cidade de Albukamal, na província de Deir ez Zor, na fronteira com o Iraque, segundo a ONG.

O Observatório indicou que o número de mortos podia aumentar nas próximas horas, devido ao estado grave de alguns dos feridos.

No final de junho passado, começaram confrontos entre as facções leais ao Governo sírio e o EI na região, em uma tentativa das forças de Damasco de acabar com a presença da organização jihadista na margem oriental do rio Eufrates.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.