Marketing

Coca-Cola ganha quatro fãs a cada segundo no Facebook

Marca é a campeã na rede, com 21,6 milhões de pessoas cadastradas em sua página

Coca-Cola: quatro fãs por segundo no Facebook (Divulgação/Coca-Cola)

Coca-Cola: quatro fãs por segundo no Facebook (Divulgação/Coca-Cola)

DR

Da Redação

Publicado em 1 de fevereiro de 2011 às 13h00.

São Paulo - A Candytech, empresa que auxilia campanhas de marketing com monitoramento do Facebook, reuniu vários dados coletados pelo seu portal de estatísticas SocialBakers para mostrar como foi o 2010 da rede social.

A empresa montou um infográfico que destaca os principais dados, como, por exemplo, o fato de o site ter saltado de 337 milhões de usuários no começo de 2009 para 585 milhões no final de 2010 – o que significa um acréscimo de 7,9 pessoas por segundo na rede social.

Outro índice importante é o que mostra o poder das marcas, que receberam 115 milhões de fãs no Facebook em 2010. De acordo com o levantamento, a Coca-Cola é campeã na rede, com 21,6 milhões de pessoas cadastradas em sua página – 4 por segundo. Em seguida vem Starbucks, com 19 milhões, e Oreo, com 16,2 milhões.

Entretanto, a marca que mais cresceu no ano passado foi a Converse All Star, que teve acréscimo de 633% na quantidade de fãs e chegou aos 12,2 milhões. Depois aparece a Red Bull, com alta de 586% e 14,7 milhões de fãs, e a Converse, com mais 538% e 10,4 milhões.

Países

Os Estados Unidos ainda são o país com mais pessoas cadastradas no Facebook (147 milhões), mas teve um crescimento baixo se comparado ao restante do top 10: 48%. Nesse quesito, o campeão foi a Índia, com aumento populacional de 228% na rede, o que em números concretos significa 17,3 milhões de pessoas cadastradas - alta que justifica a queda do Orkut naquele país.

Depois dos EUA aparecem Indonésia (32,1 mi), Reino Unido (28,4 mi), Turquia (24,1 mi), França (20,5 mi), Filipinas (19,2 mi), México (18,4 mi), Itália (17,8 mi), Índia e Canadá (17,2 mi). O Brasil, com apenas 6 milhões de usuários, não aparece na lista.

Com informações do TechCrunch

Acompanhe tudo sobre:BebidasCoca-ColaEmpresasEmpresas americanasEmpresas de internetempresas-de-tecnologiaFacebookInternetMarcasRedes sociaisRefrigerantes

Mais de Marketing

Samsung e Apple: o choque entre perfeição tecnológica e a imperfeição humana

Polishop: comerciais de TV eram sucesso entre crianças na década de 1990; entenda a razão

Parceria entre Coca-Cola e outras 5 empresas supera 1 milhão de litros de água para o RS

Samsung alfineta Apple após comercial de iPad Pro: 'A criatividade não pode ser esmagada'

Mais na Exame