Liderança
Apresentado por YPO

Quais serão as dez competências executivas mais procuradas em 2024?

Liderança transformacional, consciência digital e capacidade de comunicação são algumas das características que devem ajudar a impulsionar a carreira em um mercado altamente competitivo

Líderes da vez: empresas valorizam profissionais que tenham inteligência emocional e 
habilidade de comunicação (Hinterhaus Productions/Getty Images)

Líderes da vez: empresas valorizam profissionais que tenham inteligência emocional e habilidade de comunicação (Hinterhaus Productions/Getty Images)

André Freire
André Freire

Colunista

Publicado em 4 de janeiro de 2024 às 14h50.

Última atualização em 8 de janeiro de 2024 às 11h29.

Iniciamos 2024 com a expectativa de que seja um ano mais positivo para o mercado executivo. Com um prognóstico muito melhor, já comprovado com os resultados do final do ano, listo a seguir dez competências que deverão ser as mais buscadas pelas empresas nesse ano que entra:

  1. Liderança transformacional: líderes capazes de inspirar, motivar e conduzir equipes através de mudanças significativas serão cada vez mais importantes, dado o ritmo acelerado das transformações nos negócios;
  2. Inteligência emocional: habilidades interpessoais, empatia e a capacidade de compreender e gerenciar as emoções próprias e dos outros continuarão a ser cruciais para o sucesso em ambientes de trabalho colaborativos;
  3. Pensamento estratégico: a capacidade de pensar de forma estratégica, antecipar tendências e tomar decisões orientadas para o futuro será uma competência fundamental para líderes e executivos;
  4. Adaptabilidade e resiliência: em um mundo empresarial dinâmico, a capacidade de se adaptar a mudanças e superar desafios é essencial para a liderança eficaz;
  5. Consciência digital: a competência para entender e adotar tecnologias emergentes, bem como liderar a transformação digital nas organizações, será cada vez mais necessária;
  6. Pensamento analítico e tomada de decisão baseada em dados: a capacidade de analisar dados complexos e utilizar informações para tomar decisões informadas continuará sendo uma competência crítica;
  7. Habilidade de comunicação: com a crescente importância das relações públicas, novos formatos de equipes descentralizados e modelos híbridos de trabalho, a comunicação eficaz, tanto interna quanto externa, será essencial para líderes executivos;
  8. Colaboração e trabalho em equipe: em ambientes de trabalho cada vez mais colaborativos, a habilidade de trabalhar eficazmente em equipes multifuncionais será fundamental;
  9. Habilidade de aprendizado contínuo: a capacidade de aprender rapidamente, adquirir novas habilidades e se manter atualizado em um ambiente em constante mudança será uma competência valiosa;
  10. Responsabilidade social e sustentabilidade: líderes que demonstram um compromisso sólido com práticas empresariais éticas, responsabilidade social corporativa e sustentabilidade serão cada vez mais procurados.
Acompanhe tudo sobre:Líderes Extraordináriosbranded-content

Mais de Liderança

As leis do poder e como usá-las de forma eficaz

Documentário explora a jornada heróica do mitologista Joseph Campbell

Depois dos nativos digitais, vêm aí os nativos IA´s

Está sendo ignorado pelo seu chefe? Entenda o que é ghosting no trabalho e como quebrar esse ciclo

Mais na Exame