Invest

Quer fugir do IPVA? Pesquisa mostra quais veículos são isentos do imposto em 2024

Levantamento também mostra com quantos anos de fabricação os veículos ficam isentos em cada estado; confira

IPVA: levantamento mostra que maioria das pessoas compraria um veículo isento (Levi Bianco/Getty Images)

IPVA: levantamento mostra que maioria das pessoas compraria um veículo isento (Levi Bianco/Getty Images)

Rebecca Crepaldi
Rebecca Crepaldi

Repórter de finanças

Publicado em 29 de janeiro de 2024 às 17h37.

Ter um carro ou uma moto pode trazer uma série de confortos no dia a dia para os motoristas. Entretanto, tudo isso também tem um gasto. Além da gasolina e manutenção, todos os anos os proprietários dos veículos precisam pagar o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Entretanto, nem todos precisam parar o imposto. Isso porque a maioria dos estados isenta o IPVA de veículos com mais de 15 anos, é o que mostra uma pesquisa da OLX, plataforma de compra e venda de usados. Segundo o levantamento, o estado que exige o tempo mais alto de fabricação do modelo para ter a isenção é o Tocantins, enquanto o Amapá é o que exige menos tempo.

Ranking de modelos isentos de IPVA em 2024

O estudo levantou quais são os modelos isentos de IPVA em 2024. Como primeiro lugar do ranking, aparece o Chery QQ modelo 2004. O veículo sofreu uma redução de mais de 50% em seu preço neste ano em comparação a 2022, custando em média R$ 8 mil.

Em segundo lugar, um modelo que pode ficar isento em alguns estados é o Hyundai Creta 2014, que pode ser encontrado por cerca de R$ 95 mil, 43% mais barato que no ano anterior. Já em terceiro, está o Volvo V50 modelo 2004 também está isento do IPVA em muitos estados e apresenta uma vantagem em relação ao seu preço, já que também teve decréscimo no valor, custando cerca de R$ 27 mil com 7% de redução.

No top 10 dos mais vendidos, procurados e anunciados na plataforma OLX, o Volkswagen Golf 2014 é o destaque. Os dados contemplam o período entre janeiro e outubro. Neste levantamento, constam automóveis fabricados em 2004, 2009 e 2014 com o objetivo de incluir a grande maioria dos estados brasileiros e suas regras vigentes em conta.

Você compraria um automóvel isento do IPVA?

Pensando nesse tempo de fabricação, uma segunda pesquisa também investigou se pessoas que tinham a intenção de comprar ou trocar de carro comprariam modelos que fossem isentos do IPVA.

Ao todo, foram entrevistadas 500 pessoas e 45% delas responderam que sim, comprariam um automóvel com mais de 20 anos para obter a isenção do IPVA, seguidas por 22% que disseram ter incertezas sobre e 32% apontaram que não comprariam.

“A compra de automóveis isentos de IPVA pode ser uma boa alternativa para quem precisa de um carro com custo baixo. O IPVA é um tributo de valor significativo, que acaba pesando no orçamento das famílias”, diz Regina Botter, diretora geral da OLX.

Leia também:

Maioria não sabe qual será o valor do IPVA

A mesma pesquisa também investigou o comportamento do consumidor em relação ao pagamento. Como resultado, o levantamento apontou que mais da metade das pessoas não sabiam qual seria o valor a ser pago do IPVA em 2024, mesmo faltando um mês para começar o pagamento. Isso porque a pesquisa foi realizada em dezembro e o vencimento do IPVA na maioria dos estados tem início em janeiro.

O IPVA é um tributo anual e é calculado com base nos preços da tabela feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), possível de ser encontrada nos sites do governo de cada estado no mês de dezembro. Para saber quanto pagará de IPVA, o motorista deve multiplicar o valor venal (encontrado na tabela Fipe) pelo percentual do imposto, conforme o tipo (carro, moto ou caminhão).

Entretanto, como é um imposto estadual, cada estado tem alíquotas e calendários de pagamentos diferentes, oferecendo também condições de pagamentos diversas, como parcelamentos em até 10 vezes e descontos que podem ultrapassar 20% para quem quitar à vista.

Das 500 pessoas, 65% disseram não saber qual seria o valor. Na região Centro-Oeste, esse número foi de 88%, enquanto que na região Norte foi de 77%, no Nordeste de 69%, no Sudeste de 61%, e no Sul de 59%.

No cenário nacional, entre aqueles que informaram já estarem cientes do valor que iriam pagar, mais da metade disse que prefere pagar o IPVA à vista, enquanto 19% opta pelo parcelamento em até três vezes e 16% em até cinco vezes.

Dentre as regiões, o estudo observou que, no Centro Oeste, o parcelamento em cinco vezes é o segundo meio de pagamento mais citado, sendo 33% das escolhas, enquanto no Sul, o parcelamento em três vezes fica em segundo lugar, com 25%.

Geração Z quer pagar IPVA à vista

Em relação às gerações, a Z quer escapar das parcelas, com apenas 6% escolhendo o parcelamento em cinco vezes, enquanto 45% preferem pagar à vista. Em parcela única no cartão de crédito, 21% responderam que preferem esta opção, contra 19% que vão parcelar em três vezes, e 9% em quatro vezes.

Já dentre os Boomers, 21% pretendiam parcelar em até cinco vezes, enquanto 49% preferem à vista, 5% optam pela parcela única, 24% preferem pagar em três parcelas, e 4% em quatro vezes.

Metodologia

De acordo com a OLX, a pesquisa quantitativa foi feita de forma online e encomendada pela plataforma para a human analytics da MindMiners. O período de análise foi entre os dias 7 de dezembro de 2023 e 13 do mesmo mês. Todas as respostas foram coletadas por meio da ferramenta MeSeems (da MindMiners). A margem de erro do estudo é de 5%, com 95% de confiança.

Para entender o perfil, das 500 pessoas entrevistadas, 52% foram mulheres e 48% homens. Em relação a faixa de idade, 20% têm entre 18 a 24 anos, 13% têm entre 25 a 30 anos, 29% têm entre 31 a 40 anos e 38% têm 41 ou mais. A divisão por classe social foi: A (15%), B1 (13%), B2 (27%), C1 (29%), C2 (14%) e D e E (2%). Enquanto por região: Sudeste (48%), Nordeste (23%), Sul (15%), Centro Oeste (9%) e Norte (5%).

Confira as últimas notícias de Invest

Acompanhe tudo sobre:IPVAImpostoscarros-usadosOLX

Mais de Invest

Veja o resultado da Mega-Sena, concurso 2737; prêmio acumulado é de R$ 47,2 milhões

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 47 milhões; veja como apostar

Ibovespa cai 13,8% e dá brecha para comprar ‘excelentes ações em promoção’

Inter faz campanha de renegociação e dá desconto de até 98%

Mais na Exame