Invest

Mercado Livre supera mau momento do varejo e vê lucro saltar 480% em 2022

Brasil foi um dos principais impulsionadores do resultado da companhia, registrando um avanço de 36% na receita

Mercado Livre: no quarto trimestre, a receita da companhia cresceu 56%, para US$ 3 bilhões (Leandro Fonseca/Exame)

Mercado Livre: no quarto trimestre, a receita da companhia cresceu 56%, para US$ 3 bilhões (Leandro Fonseca/Exame)

Raquel Brandão
Raquel Brandão

Repórter Exame IN

Publicado em 23 de fevereiro de 2023 às 18h42.

Última atualização em 23 de fevereiro de 2023 às 19h06.

Se o momento do varejo não é dos melhores, a plataforma de marketplace Mercado Livre (MELI) vive outra realidade. Em 2022, a empresa, que tem ações listadas na Nasdaq, bateu recordes: processou mais de US$ 100 bilhões em pagamentos, registrou mais de US$ 10 bilhões em receita e o lucro líquido saltou 480%.

Como foi o 4º trimestre do Mercado Livre?

No quarto trimestre, a receita da companhia cresceu 56%, para US$ 3 bilhões, levando a um lucro líquido de US$ 165 milhões, revertendo o prejuízo registrado no mesmo período de 2021, de US$ 46 milhões.

O negócio de comércio contribuiu com quase US$ 1,7 bilhão em receita, com crescimento de 36%, enquanto as operações da fintech Mercado Pago geraram mais de US$ 1,3 bilhão em receitas líquidas, com crescimento de 93%. No ano, a receita total passou de US$ 7 bilhões para US$ 10,5 bilhões.

As vendas brutas (GMV) do período aceleraram 35% no quarto trimestre de 2022, com o Brasil (22% de crescimento de GMV sem efeito de câmbio) e o México (28% de crescimento de GMV sem efeito de câmbio) impulsionando a aceleração. O Brasil registrou avanço de 36% nas receitas em dólar no total das operações do grupo, que incluem atividades financeiras - cuja receita no país cresceu 73%.

Black Friday do Mercado Livre

De acordo com a empresa, a campanha de Black Friday no Brasil superou significativamente um mercado fraco e foi apenas "um dos destaques em um ano de grandes ganhos de participação de mercado".

"Esses ganhos foram alcançados não com balas de prata, mas com investimento e execução consistentes em todos os aspectos de nossa proposta de valor durante um período prolongado", diz a empresa em seu relatório.

Como foi o resultado de Mercado Pago?

Em três anos, o volume total de pagamentos (TPV) cresceu mais de 4 vezes e as receitas, quase 5 vezes, mostrando a força da operação. No quarto trimestre, o número de usuários ativos da fintech Mercado Pago chegou a 44 milhões no quarto trimestre de 2022, subindo 27% em relação ao ano anterior, enquanto o TPV cresceu 45% em dólares e 80% em uma base neutra em relação ao câmbio.

As operações da fintech Mercado Pago geraram mais de US$ 1,3 bilhão em receitas líquidas, com crescimento de 93%.

"Um forte desempenho fora da plataforma no quarto trimestre de 2022, com crescimento de 58% em dólares americanos e 121% em uma base neutra em relação ao câmbio, elevou nosso TPV trimestral fora da plataforma acima de US$ 25 bilhões pela primeira vez", destaca a empresa.

 

Acompanhe tudo sobre:BalançosComércioMercado Livre

Mais de Invest

Ibovespa abre em queda puxado por Petrobras (PETR4)

Quina de São João: Veja quanto rende o prêmio de R$ 220 milhões

Boleto atrasado nunca mais: até que horas pode pagar contas pela online no dia do vencimento?

Imposto de Renda: 15 milhões ainda não entregaram a declaração; prazo termina em 10 dias

Mais na Exame