Invest

CSN (CSNA3) projeta aumento de vendas de aço em 2023 e R$ 13,8 bi para expandir mineração

Valor do investimento previsto para aumentar produção de minério deverá ser gasto ao longo dos próximos cinco anos

 (Germano Lüders/Exame)

(Germano Lüders/Exame)

GG

Guilherme Guilherme

Publicado em 15 de dezembro de 2022 às 09h54.

Última atualização em 15 de dezembro de 2022 às 09h55.

A CSN (CSNA3) informou nesta quinta-feira, 15, que espera vender 4,670 milhões de toneladas de aço em 2023. A projeção é 4,24% superior ao volume de vendas de aço previsto para este ano, de 44,480 milhões de toneladas.

A companhia também atualizou a projeção do investimento para expandir sua área de Mineração para R$ 13,8 bilhões. O montante será gasto ao longo dos próximos cinco anos como parte da fase 1 do projeto de aumento da capacidade de produção. O Capex consolidado previsto pela CSN para 2023 é de R$ 4,4 bilhões e de R$ 5,5 bilhões a R$ 6,5 bilhões para o período entre 2024 e 2027

A projeção da CSN para o ano vem é de que o volume de produção e compras de minérios de terceiro fique entre 39 e 41 milhões de toneladas. Se confirmado, o número será maior que a produção e compra de 34 milhões de toneladas de minério previstos para este ano.

Acompanhe tudo sobre:acoAçõesCSNCSNA3

Mais de Invest

Últimos dias para declarar IR: 10 maneiras de aumentar a restituição ou pagar menos imposto

Cuidado com o Leão: os mitos sobre o IR que vão te deixar na mira da Receita

Bolsa abre no feriado? Veja o funcionamento da B3 no Corpus Christi em 2024

Endividamento das famílias brasileiras cai e alcança 48% em março, segundo Banco Central

Mais na Exame