Acompanhe:

As bolsas da Europa fecharam na maior parte em alta nesta quinta-feira, 5, com a bolsa de Londres em alta levemente maior, diante de dia surpreendente marcado por volatilidade, enquanto juros dos Treasuries aliviam pressão sobre as bolsas.

Na bolsa de Londres, o FTSE 100 fechou em alta de 0,53%, aos 7.451,54 pontos. Em Frankfurt, o DAX recuou 0,20%, aos 15070,22 pontos; em Paris, o CAC 40 ficou próximo da estabilidade pelo segundo dia consecutivo e subiu 0,02%, aos 6.998,25 pontos; em Milão o FTSE MIB ganhou 0,20%, aos 27.490,81 pontos; em Madri, o Ibex 35 teve alta de 0,67%, aos 9.164,10 pontos; e, em Lisboa, o PSI 20 teve ganhos de 0,67%, aos 5.863,42 pontos. As cotações são preliminares.

Fique por dentro das últimas notícias no WhatsApp da Exame. Inscreva-se aqui 👉 https://t.ly/6ORRo

De acordo com Michael Hewson, analista-chefe do CMC Markets, o desempenho positivo do FTSE100 levemente acima dos pares se deve à alta no setor de consumos discricionários e do desempenho sólido das companhias aéreas, que se beneficiam da queda firme do petróleo. Na bolsa de Londres, easyJet subiu 3,65%, Wizz Air ganhou 3,43% e IAG teve alta de 2,41%.

As bolsas europeias ecoaram ainda do fechamento positivo das bolsas asiáticas nessa manhã, afirmou o analista.

Nesta quinta, fecharam no azul as petrolíferas Shell (0,54%) e BP (0,07%), depois de passarem a maior parte do pregão em território negativo, acompanhando o vai-e-vem dos preços do barril de petróleo, que oscilaram muito durante o dia, indo de queda de mais de 2% até o flerte com cenário positivo.

Na França, os papéis da Casino subiram 0,59% nesta quinta, depois de ficarem suspensos em parte do pregão da quarta-feira, e diante do anúncio do grupo varejista de que fechou um acordo final de reestruturação financeira com seus credores. As ações da fabricante francesa Alstom caíram 36,86% nesta quinta, depois de divulgar resultados preliminares do primeiro trimestre que apontam para redução nas expectativas de fluxo de caixa.

Investidores seguem monitorando os juros dos Treasuries, que tiveram dia de alta volatilidade após aliviarem a pressão sobre as bolsas na quarta e iniciarem o dia em alta, mas perdendo ímpeto durante o pregão.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Bolsas da Europa fecham em alta, em recuperação de perdas ajudada por dado sólido na Alemanha
seloMercados

Bolsas da Europa fecham em alta, em recuperação de perdas ajudada por dado sólido na Alemanha

Há 14 horas

Após alerta da ONU, Ucrânia nega ter atacado a maior central nuclear da Europa
Mundo

Após alerta da ONU, Ucrânia nega ter atacado a maior central nuclear da Europa

Há 18 horas

Bolsas da Europa iniciam semana com ganhos modestos e cautela, antes de decisão do BCE
seloMercados

Bolsas da Europa iniciam semana com ganhos modestos e cautela, antes de decisão do BCE

Há 22 horas

Países europeus são confrontados com decisão 'histórica' sobre sua responsabilidade climática
Mundo

Países europeus são confrontados com decisão 'histórica' sobre sua responsabilidade climática

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais