Future of Money

Ainda dá tempo de comprar criptomoedas e lucrar com elas?

Entenda como está o cenário das criptomoedas nesse momento e se você ainda tem chance de entrar e lucrar. Veja o que fazer agora e o que evitar.

Uni é uma das criptomoedas para ficar de olho em março (Reprodução/Reprodução)

Uni é uma das criptomoedas para ficar de olho em março (Reprodução/Reprodução)

Felippe Percigo
Felippe Percigo

Especialista em criptoativos

Publicado em 13 de abril de 2024 às 11h00.

Assistir ao rali do bitcoin ao novo topo histórico foi emocionante. Isso para nós que temos a moeda na carteira. Quem ficou de fora, por outro lado, experimentou uma mistura de ansiedade e frustração.

Tenho recebido uma enxurrada de mensagens da turma que perdeu o trem. Eles me fazem as perguntas clássicas: ainda dá tempo de começar a investir em criptomoedas? O bitcoin já está muito caro? Ele sobe mais ou agora é só queda?

Você também pode ter essas dúvidas, por isso vou respondê-las nesta coluna. Antes, quero contar uma experiência pessoal em solidariedade aos aflitos, porque eu também já passei por isso. Recado: tenham paciência e exercitem controlar as emoções. Eu garanto que o esforço será recompensado.

  • O JEITO FÁCIL E SEGURO DE INVESTIR EM CRYPTO. Na Mynt você negocia em poucos cliques e com a segurança de uma empresa BTG Pactual. Compre as maiores cryptos do mundo em minutos direto pelo app. Clique aqui para abrir sua conta gratuita.

O que aconteceu comigo

Quando entrei pela primeira vez no mercado cripto, em 2012, perdi uma baita oportunidade de pegar mais de mil bitcoins. Foi só em 2017 que decidi encarar de novo a criptoesfera e, aí sim, comecei a acumular criptomoedas. No ano seguinte, eu já tinha um valor legal em ativos e vi o mercado caindo muito.

Aproveitei para comprar mais cerca de 20 bitcoins a um preço de US$3.500 cada. Na época, com o câmbio entre R$3 e R$3,50, o total dava pouco mais de US$70 mil. Em reais, isso significava entre R$200.000 e R$250.000.

Você deve estar pensando: o Felippe hoje está com um lucro gigantesco. Mas não, sabe por quê? Ansiedade e imaturidade.

Acabei vendendo tudo quando o preço do bitcoin subiu para o patamar de US$ 7 mil/US$ 8 mil. Mesmo dobrando meu investimento e tendo um lucro entre R$ 400.000 e R$ 500.000 na ocasião, agora eu vejo que poderia ter tido um resultado ainda melhor se tivesse sido mais paciente.

A gente vivia um momento de mercado em que o bitcoin estava começando a se recuperar para subir novamente. Saltou para quase US$ 14 mil pouco depois. E se eu tivesse segurado meus bitcoins até hoje, teria feito 20 vezes desde então.

De qualquer forma, quando analisamos o mercado cripto como um todo, ele sempre nos traz grandes oportunidades. Basta você saber surfá-las e ter paciência para esperar o momento certo chegar.

Por exemplo. Uma questão comum é: se todo mundo sabe que o halving faz o preço do bitcoin subir, por que as pessoas não compram com antecedência? Simples. Porque não querem pagar o preço da entrada antecipada. Pelo contrário. Elas “compram” as dúvidas que rondam o mercado baixista e desacreditam que o bitcoin possa voltar a subir.

Quando lancei a Carteira Milionária no ano passado, um projeto no qual eu faço aportes semanais junto com os meus alunos, o bitcoin tinha se recuperado um pouco da mínima de US$ 15 mil e estava apontando para os US$ 20 mil. Muita gente, porém, duvidou que a moeda subiria. Alguns falavam em tombo para US$ 10 mil, mas essas quedas nunca vieram.

Enquanto isso, eu seguia recomendando que não parassem de fazer as compras regulares, o famoso DCA (Dollar-Cost Averaging). É uma estratégia muito fácil de implementar, mas não é todo mundo que quer pagar o preço de comprar todos os meses.

“Ah, ter que fazer sempre a mesma coisa”? Não é sexy, como eu sempre digo nas minhas palestras. Não é atraente, não dá emoção. É muito diferente do trading, por exemplo, que você vê o lucro e o prejuízo ali em tempo real na tela e fica pensando se compra, se deixa passar ou se vende. O DCA não gera esse carrossel de sentimentos e, por isso, a maioria simplesmente não faz.

O raciocínio é simples. Se todos os meses você for comprando, acumulando, vai chegar o momento em que essa carteira estará com um valor bastante significativo e, aí sim, você vai poder realizar lucro.

Entendam: sempre que o mercado começa a subir muito é quando acontece o efeito manada. Muitas pessoas embarcam, compram, o mercado sobe e essas mesmas pessoas que entraram tarde acreditam que as valorizações vão continuar.

Eu uso a analogia da festa. A festa começa às 19h, que é quando eu começo a alertar as pessoas a comprar cripto. Entre 21h e meia-noite, o pessoal está empolgado e a festa está rolando bem. Já lá pelas 2h/3h, começa a ficar lotada, ou seja, é nesse intervalo que entram os pequenos investidores.

A festa, no entanto, já está acontecendo há um tempão para muita gente. O que faz a galera que chegou na madrugada? Tenta se convencer e convencer os outros de que o rolê não vai acabar às 7h, mas vai se estender até o meio-dia, sendo que isso não é verdade.

Certo está quem chega antes na festa e lá pelas 5h está saindo. Os demais ficam por lá curtindo do jeito deles. Mas já notou que é nessas horas que acabam acontecendo os problemas?

A história serve para ilustrar que, quanto antes você entrar, mais cedo vai aproveitar a valorização e colocar dinheiro no bolso. Quem entra tarde realiza lucro tarde, depois que muita gente já vendeu, podendo até nem conseguir realizar as suas posições.

Então, respondendo a pergunta: dá tempo de entrar no mercado cripto? Sim!

Estamos ainda num momento muito legal do ciclo, pré-halving e vendo uma safra de novos projetos ganhando o mercado. Na analogia da festa, estamos ali por volta das 20h/21h. Isso quer dizer que dá para começar agora, ir fazendo o DCA.

Cuidados que você precisa ter ao entrar no mercado hoje

Não saia colocando muito dinheiro. Você não precisa esperar o mercado cair para comprar, faça uma estratégia, compre toda semana um pouquinho. Vamos supor que você tenha R$10 mil para investir. Não aporte tudo de uma vez só. Coloque US$ 2 mil por semana durante 5 semanas, por exemplo.

E se o mercado subir? Não tem problema. E se cair? Também não. Se subir, você já vai ter comprado e, se cair, você vai comprar mais barato, seu preço médio vai diminuir.

Você vai adotar o DCA como estratégia de entrada e, depois, vai precisar de uma estratégia de saída, que é realizar o rebalanceamento conforme o mercado se valoriza e os indicadores apontam venda.

O fato é que o bitcoin não está caro o suficiente para impedir você de entrar nem o mercado está otimista demais. No estudo que faço toda semana, os indicadores estão muito saudáveis e positivos. Isso nos traz a clareza de que ainda temos muito espaço para subir tranquilamente. Então, não é hora de realizar posição, é hora de plantar.

Outro pensamento muito comum do iniciante é: “O bitcoin já subiu bastante, agora vou comprar projetos de baixo valor”. A ideia dele é comprar criptos que custam poucos centavos, esperando que alcancem um dólar para ganhar muito dinheiro. É possível ganhar muito dinheiro, sim, mas a equação não é simples assim. Ao entender as nuances desse cenário, você vai perceber que muitos elementos do projeto precisam ser considerados para essa valorização acontecer.

E atenção: cuidado com projetos que estão começando agora. Eles não têm fundamentos sólidos por trás, não têm histórico e podem ser armadilhas.

Eu recomendo que você aproveite o momento para acumular altcoins, ainda há uma série delas subvalorizadas e com enorme potencial. Bitcoin é sempre importante ter na carteira, sem nos esquecermos também do ether. A ethereum é o grande motor do mundo cripto hoje, por conta dos DApps, dos contratos inteligentes e de uma série de outras inovações que introduziu na criptoesfera.

Dica final, mas não menos importante. Muito pelo contrário! Estude. Assista a vídeos sobre os fundamentos do bitcoin, história do dinheiro, tecnologia blockchain, airdrops, NFTs, pools de liquidez e por aí vai. Pesquise cada setor do mercado, porque isso vai te dar profundidade e, consequentemente, mais segurança na hora de investir.

De experiência própria, o estudo de cripto mudou a minha vida. Fiz um curso em 2017 que abriu a minha mente e nunca mais parei. Torço para que aconteça com você também.

O JEITO FÁCIL E SEGURO DE INVESTIR EM CRYPTO. Na Mynt você negocia em poucos cliques e com a segurança de uma empresa BTG Pactual. Compre as maiores cryptos do mundo em minutos direto pelo app. Clique aqui para abrir sua conta gratuita.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | Tik Tok  

Acompanhe tudo sobre:CriptomoedasCriptoativosBitcoinFinanças

Mais de Future of Money

Após 10 anos "adormecidos", R$ 300 milhões em bitcoin são movimentados pela 1ª vez

Adoção do Yuan Digital na China enfrenta dificuldades apesar de esforços do governo

Mark Cuban diz que Biden pode perder eleição nos EUA graças à postura da SEC sobre cripto

Runes vê declínio em atividade em menos de 1 mês após estreia no Bitcoin

Mais na Exame