ESG

Por que no dia 17 de maio é celebrado o dia mundial da reciclagem?

Entenda a escolha do 17 de maio como Dia Mundial da Reciclagem e descubra a importância dessa data para a promoção da sustentabilidade e da reciclagem em todo o mundo

 (Coca-Cola Brasil/Divulgação)

(Coca-Cola Brasil/Divulgação)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 17 de maio de 2024 às 10h30.

Última atualização em 17 de maio de 2024 às 10h32.

Tudo sobreReciclagem
Saiba mais

O Dia Mundial da Reciclagem, celebrado em 17 de maio, é uma data significativa para promover a conscientização sobre a importância da reciclagem e da sustentabilidade. Mas você sabe por que essa data foi escolhida? Neste artigo, exploraremos a história e o significado por trás da escolha do Dia Mundial da Reciclagem, além de destacar sua importância global.

A Origem do Dia Mundial da Reciclagem

A escolha do 17 de maio como Dia Mundial da Reciclagem foi uma iniciativa da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), que visa sensibilizar a sociedade sobre os benefícios da reciclagem. A data foi estabelecida para reforçar a necessidade de uma gestão adequada dos resíduos e promover práticas que contribuam para a preservação do meio ambiente.

Por Que 17 de Maio?

O dia 17 de maio foi escolhido estrategicamente para:

  1. Aumentar a Conscientização: A data foi criada para chamar a atenção do público e dos governos para a importância da reciclagem. A reciclagem é uma das maneiras mais eficazes de reduzir o impacto ambiental e conservar recursos naturais.
  2. Promover a Educação Ambiental: A escolha da data também visa fomentar a educação ambiental, incentivando escolas, empresas e organizações a realizarem atividades e campanhas que promovam a reciclagem.
  3. Mobilização Global: O Dia Mundial da Reciclagem é celebrado em todo o mundo, promovendo uma mobilização global em prol da sustentabilidade. Eventos, campanhas e iniciativas são realizados para destacar a importância da reciclagem e incentivar a participação de todos.
Onde descartar lixo reciclável SP?

A Importância da Data

A celebração do Dia Mundial da Reciclagem é fundamental para:

  • Redução de Resíduos: A reciclagem ajuda a reduzir a quantidade de resíduos que vão para os aterros sanitários, diminuindo a poluição do solo, água e ar.
  • Economia de Recursos Naturais: Reciclar materiais como papel, plástico, vidro e metal economiza recursos naturais e energia, que seriam necessários para produzir novos produtos.
  • Geração de Empregos: A indústria da reciclagem cria empregos em coleta, triagem, processamento e transformação de materiais recicláveis.
  • Sustentabilidade: A reciclagem é um pilar fundamental da economia circular, onde os materiais são reutilizados e reintegrados no ciclo produtivo, contribuindo para uma sociedade mais sustentável.

Como Celebrar o Dia Mundial da Reciclagem

Para celebrar o Dia Mundial da Reciclagem, você pode:

  • Participar de Campanhas de Reciclagem: Envolva-se em campanhas locais de coleta seletiva e reciclagem.
  • Educar-se e Educar Outros: Aprenda mais sobre práticas de reciclagem e compartilhe esse conhecimento com amigos e familiares.
  • Reduzir, Reutilizar, Reciclar: Pratique os três Rs da sustentabilidade em sua vida diária.
  • Apoiar Iniciativas Ambientais: Apoie organizações e projetos que promovam a reciclagem e a sustentabilidade.

O Dia Mundial da Reciclagem é uma data importante para refletirmos sobre nossos hábitos de consumo e descarte, e para adotarmos práticas mais sustentáveis. Entender a escolha da data nos ajuda a apreciar ainda mais a importância da reciclagem e a necessidade de continuar promovendo essa prática vital para a preservação do meio ambiente.

Acompanhe tudo sobre:ReciclagemMeio ambiente

Mais de ESG

Drenagem: novos volumes de chuvas mudarão a engenharia e vão demandar visão de longo prazo

Petlove lança campanha contra comercialização de itens nocivos aos animais

Nos países do G20, 70% dos cidadãos querem mais impostos para ricos e empresas, aponta pesquisa

Cidade-esponja: definir o espaço para água e onde não construir são ponto de partida, diz estudioso

Mais na Exame