Usinas vão gerar receita extra de R$ 10,1 bilhões, diz Meirelles

O ministro ressaltou que esses leilões garantirão receitas à União que ajudam a diminuir a necessidade do corte no Orçamento

Brasília – O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, confirmou nesta noite de quarta-feira, 29,que as receitas que o governo espera obter com o leilão de usinas hidrelétricas neste ano chegam a R$ 10,1 bilhões. Esses valores ajudarão a reduzir o rombo de R$ 58,2 bilhões no orçamento deste ano.

“Dissemos que estávamos aguardando algumas decisões judiciais referentes à devolução de hidrelétricas com concessões vencidas ao governo federal. São medidas sólidas, e, felizmente, decisões da Justiça ocorreram ontem e hoje conforme a nossa expectativa. Então são devolvidas à União as usinas de São Simão, Jaguará, Miranda e Volta Grande”, detalhou.

O ministro ressaltou que esses leilões garantirão receitas à União que ajudam a diminuir a necessidade do corte no Orçamento.

“Isso é um processo da maior importância, porque é um aumento de receita sem haver nenhuma alíquota de tributos ou criação de novos impostos. Portanto, é uma medida virtuosa, digamos a assim”, completou.

Meirelles lembrou que o rombo no Orçamento deste ano foi causado em parte pela queda na inflação, que, apesar de ser positiva para o País, gera uma evolução menor das receitas.

“O segundo fator foi a recessão maior que a prevista no passado, herdada da política econômica dos últimos anos”, completou.[

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.