Faturamento de planos de saúde cresce 16% em 2013, diz IESS

Instituto de Estudos de Saúde Suplementar diz haver recuperação em relação ao ano anterior, quando variação de despesas havia sido superior à das receitas

São Paulo – As operadoras de planos de saúde registraram faturamento de R$ 108 bilhões em 2013, o que representa alta de 16% frente a 2012.

Já as despesas das operadoras totalizaram R$ 90,5 bilhões, um crescimento de 14,4% ante 2012.

Os dados são do Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS), antecipados para o Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado.

O instituto considera haver uma recuperação do setor em relação ao ano anterior, quando a variação das despesas havia sido superior à das receitas.

Na comparação entre 2012 e 2011, o crescimento da receita foi de 12,7% ao passo que, do lado das despesas, a variação foi de 16,1%.

Com base em informações da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o instituto informa ainda que no ano passado o número de contratos cresceu 4,6%, com mais de 2 milhões de novos vínculos.

Os contratos coletivos aumentaram em 5,7% e os individuais, 1,6%. Em dezembro, o número de usuários de planos de saúde no Brasil ultrapassou os 50 milhões.

Para ter a cobertura de um plano de saúde, cada beneficiário pagou em média R$ 179,10 por mês e gerou gastos na casa dos R$ 150.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 15,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Atenção! A sua revista EXAME deixa de ser quinzenal a partir da próxima edição. Produziremos uma tiragem mensal. Clique aqui para saber mais detalhes.