Economia

Comissão do Orçamento vota relatório preliminar da LDO de 2024 nesta terça-feira

O relator da LDO quer concluir a votação do texto no plenário do Congresso entre 20 e 22 de novembro para que a LOA de 2024 possa ser votada em dezembro

LDO: proposta pode ser votada nesta terça (picture alliance/Getty Images)

LDO: proposta pode ser votada nesta terça (picture alliance/Getty Images)

André Martins
André Martins

Repórter de Brasil e Economia

Publicado em 7 de novembro de 2023 às 06h00.

A Comissão Mista de Orçamento deve votar nesta terça-feira, 7, o relatório preliminar da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2024. O texto determina os critérios a serem observados pelos parlamentares durante a tramitação da proposta. A aprovação preliminar é o primeiro passo para a votação da LDO. A reunião está marcada para as 14h30.

O deputado Danilo Forte (União-CE), relator da LDO, decidiu priorizar emendas parlamentares que beneficiem temas como educação básica, empreendedorismo feminino, inovação tecnológica, energias renováveis e atendimento integral de crianças com deficiência.

Forte tem intenção de concluir a votação do texto no plenário do Congresso Nacional entre 20 e 22 de novembro para que a Lei Orçamentária (LOA) de 2024 possa ser votada em dezembro. A LDO estabelece as diretrizes para a elaboração da LOA, e deveria ter sido votada em julho, antes do recesso parlamentar, mas os deputados resolveram esperar a aprovação do novo arcabouço fiscal, que virou lei apenas no final de agosto. 

Acompanhe tudo sobre:CongressoOrçamento federal

Mais de Economia

Corte anunciado por Haddad é suficiente para cumprir meta fiscal? Economistas avaliam

Qual é a diferença entre bloqueio e contingenciamento de recursos do Orçamento? Entenda

Haddad anuncia corte de R$ 15 bilhões no Orçamento de 2024 para cumprir arcabouço e meta fiscal

Mais na Exame