Estudo mostra que novo coronavírus não foi criado em laboratório

Vírus é resultado de seleção natural, indica pesquisa feita por cientistas de três países

Se você acredita em teorias da conspiração, pode ficar aliviado. O novo coronavírus não foi criado em laboratório. Segundo um estudo científico feito por pesquisadores de universidades dos Estados Unidos, Austrália e Reino Unido, e publicado na revista Nature Medicine, o vírus é resultado de evolução natural, sem engenharia humana.

A eficácia do vírus ao se ligar a células do corpo humano sugere que ele é resultado de seleção natural, segundo os pesquisadores.

“Ao comparar os dados disponíveis de sequenciamento de genoma das cadeias do vírus, podemos determinar com firmeza que o SARS-CoV-2 [como é chamado o novo coronavírus] foi originado a partir de processos naturais”, disse, em nota, Kristian Andersen, professor associado de imunologia e microbiologia do Scripps Research, centro americano de pesquisa médica sem fins lucrativos.

De acordo com a pesquisa, a estrutura molecular do novo coronavírus não seria algo feito em laboratório porque ela é muito diferente daquela vista em outras doenças do mesmo grupo. No entanto, ela tem semelhanças com vírus conhecidos que afetam morcegos e pangolins, que não seriam usados na engenheria genética.

Uma das possibilidades consideradas pela comunidade científica global é de que o novo coronavírus tenha evoluído em alguma espécie de animal (ainda não se sabe ao certo qual seria) e, então, ter feito a transição para o organismo humano.

Uma das teorias (inverídicas) de conspiração sobre o novo coronavírus era de que o vírus havia escapado de um laboratório de armas biológicas na China. Agora, a ciência mostra que, definitivamente, o coronavírus não é nada além de uma mutação, inerente aos vírus.

As últimas notícias da pandemia do novo coronavírus

Espera! Tem um presente especial para você.

Uma oferta exclusiva válida apenas nesta Black Friday.

Libere o acesso completo agora mesmo com desconto:

exame digital

R$ 15,90/mês

R$ 6,36/mês

  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 44,90/mês

R$ 40,41/mês

  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa quinzenal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.