Estamos de cara nova! E continuamos com o conteúdo de qualidade.
Nova Exame

10 dias de voo ao redor da Lua? Astronauta canadense vai cumprir essa missão

Missão deve ser cumprida em 2023, de acordo com cronograma inicial estabelecido pela NASA e CSA

Um astronauta canadense vai voar ao redor da Lua, na primeira missão tripulada do novo foguete da NASA. Apesar de não ser cumprida exatamente agora -- a tarefa deve ser cumprida daqui três anos -- ela já representa um marco para o Canadá, que deve se tornar o segundo país no mundo a ter um astronauta na órbita da Lua, de acordo com informações do The Verge. Não deve ser uma disputa acirrada: atualmente, o país tem apenas quatro astronautas.

O mundo está mais complexo, mas dá para começar com o básico. Veja como, no Manual do Investidor

A missão será possível porque a NASA e a Agência Espacial Canadense (CSA) firmaram uma parceria recentemente, com o intuito de construírem uma estação espacial chamada "Portal Lunar". Com a colaboração, o órgão canadense deve ficar responsável por construir um robô com vários braços chamado Canadarm3, responsável por monitorar o local e fazer eventuais reparos.

Astronauta japonês faz fotos impressionantes da Terra vista do espaço

Do lado da NASA, esse é mais um primeiro passo da iniciativa Artemis, que tem como objetivo principal pousar uma mulher na Lua até 2024. Para isso, a empresa norte-americana estabeleceu três fases: Artemis I (a ser realizada no ano que vem), com voos para a Lua sem tripulantes; a Artemis II (que deve contar com um astronauta canadense, durar dez dias e orbitar a Lua); e a Artemis III, que deve efetivamente promover um pouso no local, depois de 2023.

A parceria com a agência canadense é bastante vantajosa, dados os problemas de orçamento da agência norte-americana, além de uma falha de um componente em uma cápsula a ser inserida na espaçonave. Mesmo assim, a NASA afirma que seu cronograma deve seguir exatamente como o planejado.

Se a missão correrá no prazo estabelecido -- ou não -- só o tempo irá dizer. Uma coisa é certa: a vontade de desbravar o Universo está presente em astronautas de diferentes nacionalidades. Recentemente, o japonês Soichi Noguchi publicou fotos impressionantes, feitas durante sua passagem por uma estação espacial, durante o segundo voo realizado pela empresa SpaceX. 

A primeira vez que o homem esteve na Lua foi em 1969, com a missão Apollo 11. Pelo mesmo programa, em 1972, a Nasa realizou a última viagem tripulada ao satélite.

Estudo diz que Terra está mais perto de buraco negro do que se acreditava

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 4,90/mês
  • R$ 14,90 a partir do segundo mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 129,90/ano
  • R$ 129,90 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 10,83 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também