Casual
Acompanhe:

Negroni: onde experimentar diferentes versões do drinque italiano em São Paulo

A história do drinque começou há mais de 100 anos na Itália, no Caffè Casoni, em Florença

Bottega21: Negroni Cioccolato. (Rodolfo Regini/Divulgação)

Bottega21: Negroni Cioccolato. (Rodolfo Regini/Divulgação)

J
Julia Storch

3 de dezembro de 2022, 08h00

Ele é fácil de preparar: três partes iguais de gim, vermute e bitter e finalizado com casca de laranja. O negroni é sem dúvida o clássico que nunca deixa de estar em evidência. Sua história, com mais de 100 anos começou na Itália, no Caffè Casoni, em Florença com o bartender Fosco Scarcelli que a pedido do conde Camilo Negroni (daí o nome, claro), preparou um Americano (drinque que leva Campari, vermute e água gaseificada) só que trocou o último ingrediente por gim. Eis que um dos drinques mais pedidos do mundo havia nascido.

Para Luiz Paulo Foggeti, sócio da APTK Spirits o negroni é uma unanimidade. “Até quem não gosta de drinques com um pouco mais de amargor, tem a curiosidade de tomar, pois fica aquela sensação de ‘o que esse drinque tem de tão especial’?”, comenta. Não a toa, a marca vende mais de 12 mil litros do drink engarrafado por mês, números que crescem ano a ano.

“O negroni é tão fácil de misturar e beber, que ter um negroni já pronto e engarrafado em casa é quase que obrigatório para os amantes de um bom drinque “, complementa Foggeti.

Mas fato é que o negroni clássico deu margem para sua variações. “Todo bartender tem uma receita de versão de negroni na manga: vá a qualquer bom bar e converse com o bartender. Ele terá uma surpresa para apresentar, quando o assunto é negroni”, comenta Michel Felício, mixologista e sócio do bar italiano Bottega 21.

Onde tomar outras versões de negroni em São Paulo

Bottega 21

Atrás da barra do pequeno e simpático bar com inspirações italianas, o bartender Michel Felício oferece o Negroni Cioccolatto que além de gin e vermute tinto, leva Campari infusionado no cacau e é servido com chocolate com cumaru (R$ 37).

Rua dos Pinheiros, 1308 – Pinheiros - São Paulo/SP – Fone: (11) 99342-2332 | Horário de segunda a sábado, das 18h às 2h.

Negroni

Negroni: Negroni Estate. (Tales Hidequi/Divulgação)

No bar que evoca o drinque italiano, há diversas versões: uma delas é o Negroni Estate (R$ 37), que leva gin com infusão de cítricos, aperol, amaro, limão siciliano, laranja e angostura laranja.

Rua Padre Carvalho, 30 – Pinheiros - São Paulo/SP – Fone: (11) 2337-4855 | horário de segunda a quarta das 15h às 00h, quinta a sábado das 15h à 01h e domingo das 15h às 23h | http://www.negroni.com.br

The S

The S: Negroni Smoked. (Rodolfo Regini/Divulgação)

Um charmoso speakeasy que abrigado no primeiro andar do icônico prédio Circolo Italiano, no centro de São Paulo, tem na carta o pirotécnico Smoked Negroni - a versão clássica porém defumada às vistas do cliente (R$ 48).

Serviço: Avenida Ipiranga, 344 – Circolo Italiano – 1 andar. Horário de funcionamento, de quinta a sábado, das 18h às 2h.

Modern Mamma Osteria

Modern Moma Osteria: Coffee Negroni. (Divulgação/Divulgação)

A cargo do bartender Ricardo Barrero, o restaurante dos chefs Paulo Barros e Salvatore Loi, a carta de drinque do restaurante italiano badalado oferece o o Coffee Negroni que leva gin, amaro, vermute rosso e espuma de café (R$ 38).

Rua Manuel Guedes, 160 – Itaim Bibi. SP. Tel.: (11) 930838387. Rua Ferreira de Araújo, 342 – Pinheiros. Horário de funcionamento: Segunda a Sexta, das 12h às 15h e das 18h30 às 23h. Sábado das 12h às 23h e Domingo, das 12 às 21h.

Me Vá

Me Vá: Negroni Oloroso. (Raul Mota/Divulgação)

O bar de tapas do baixo Pinheiros, que tem a sua carta de drinks baseada em Jerez, tem como opção o Negroni Oloroso, Jerez oloroso, gin London Dry, Campari, Angostura Bitter, Orange Bitter e aromatizado com laranja (R$ 41)

Rua Ferreira de Araújo, 285 - Pinheiros, São Paulo/SP – Fone: (11) 3816-0588 | horário de segunda a terça das 12h às 15h e 18 às 23h, quarta às sábado das 12h às 00h e domingo 12h às 17h.

O Carrasco Bar

O Carrasco: Negroni alla Fragola. (Divulgação/Divulgação)

O premiado bartender Spencer Amereno fez uma versão apurada e delicada do drink, o Negroni Alla Fragola com gin, marsala seco, vermute tinto, campari com morango e tintura de imbiriba (R$ 47).

Rua Costa Carvalho, 84 – Pinheiros – São Paulo | horário de terça a sábado das 19h às 00h | Reservas por DM – Instagram @ocarrascobar.

Conheça a newsletter da EXAME Casual, uma seleção de conteúdos para você aproveitar seu tempo livre com qualidade.