Acompanhe:

Johnnie Walker vai lançar uísque em garrafa de papel em 2021

Johnnie Walker, da Diageo, quer eliminar plástico de suas garrafas e lança no começo de 2021 nova embalagem de papel 100% reciclável

Modo escuro

Continua após a publicidade
Nova embalagem da Johnnie Walker: uísque em garrafa de papel (DIageo/Divulgação)

Nova embalagem da Johnnie Walker: uísque em garrafa de papel (DIageo/Divulgação)

G
Guilherme Dearo

Publicado em 13 de julho de 2020 às, 09h50.

Última atualização em 14 de julho de 2020 às, 10h07.

Para 2021, a Diageo, responsável pelo uísque escocês Johnnie Walker, promete um lançamento inusitado: uma garrafa de uísque de papel e livre de plástico.

Criada em parceria com a Pilot Lite, a embalagem feita de polpa de madeira será totalmente reciclável. Para a empreitada, Diageo e Pilot Lite criaram uma nova companhia, a Pulpex Ltd, responsável pelo conceito, desenvolvimento e fabricação da nova garrafa.

A novidade deverá estar nas prateleiras no começo de 2021.

"Estamos orgulhosos de termos criado essa embalagem inédita. Estamos constantemente buscando nos superar, e essa embalagem sustentável tem o potencial de ser um grande marco. Há muito sentido em estreá-la com a Johnnie Walker, uma marca que sempre abriu caminhos para a inovação em seus 200 anos de vida", disse em comunicado Ewan Andrew, diretor de sustentabilidade da Diageo.

A Pulpex Ltd não fabricará embalagens apenas para o uísque Johnnie Walker, mas também para companhias como Unilever e PepsiCo.

O uísque Johnnie Walker é, atualmente, o quinto uísque mais vendido do mundo, segundo o relatório 2020 Brand Champions, com 165 milhões de litros comercializados em 2020.

A iniciativa pode desagradar consumidores mais puristas, que não acreditam que possa haver outra maneira de beber uísque premium que não em uma bela garrafa de vidro, mas a marca espera mostrar que não há nada de errado em comprar uísque em uma embalagem de papel, desde que isso seja a favor do planeta.

Atualmente, do total de materiais das embalagens produzidas pela Diageo, apenas 5% é plástico - vindo das roscas, tampas e rótulos das bebidas -, mas a empresa pretende diminuir esse número de qualquer maneira.

As exportações de uísque escocês cresceram 2,4% em volume em 2019, chegando a 1,31 bilhão de garrafas de 700mL, segundo a Scotch Whisky Association. Mas as exportações para os Estados Unidos caíram 7% no período.

A Johnnie Walker lidera o segmento de uísque escocês, mas vendeu 2.8% menos em 2019 que em 2018. Atrás dela vêm duas marcas da Pernod Ricard, Ballantine's e Chivas Regal. Ballantine's vendeu 69,3 milhões de litros em 2019 (4,6% mais que em 2018), enquanto Chivas vendeu 39,6 milhões de litros (menos 1,1% que em 2018).

Últimas Notícias

Ver mais
Grupo Banco Mundial anuncia investimento de U$ 7 bi por ano no Brasil até 2028
Economia

Grupo Banco Mundial anuncia investimento de U$ 7 bi por ano no Brasil até 2028

Há 20 horas

Estudo mapeia soluções para o fortalecimento de cadeias produtivas da Amazônia
ESG

Estudo mapeia soluções para o fortalecimento de cadeias produtivas da Amazônia

Há um dia

Gestão Sustentável: algumas chaves para criação de valor sustentável
Um conteúdo Bússola

Gestão Sustentável: algumas chaves para criação de valor sustentável

Há um dia

Curitiba prepara mudança no transporte público com foco na descarbonização
Um conteúdo Esfera Brasil

Curitiba prepara mudança no transporte público com foco na descarbonização

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais