Acompanhe:

Quase 30 anos depois da estreia no Brasil, a quinta geração Jeep Grand Cherokee 4xe híbrido plug-in desembarca no Brasil com uma série de itens tecnológicos e foco na autonomia, com motor em versão híbrida. O carro conta com a tecnologia 4xe (PHEV) e possibilidade de condução em modo 100% elétrico. Os três motores, sendo um térmico e dois elétricos, funcionam de forma complementar. O novo carro está disponível por R$ 569.990.

Assim como outros modelos da Jeep, o SUV tem a característica de se adaptar a vários tipos de estradas. A Grand Cherokee dispõe de um seletor de terrenos com cinco modos: Auto, Sport, Snow, Mud/Sand e Rock. O recurso fornece calibrações otimizadas de acordo com os mais variados cenários, coordenando eletronicamente a divisão de torque 4x4, frenagem e manuseio, sistemas de direção e suspensão, controle de aceleração, mudança de transmissão, caixa de transferência, controle de tração, controle de estabilidade, sistema de freio antibloqueio (ABS) e sistema de direção.

Uma das grandes novidades do Jeep Grand Cherokee 4xe em termos de tecnologia é a o sistema UconnectTM 5, que além da central multimídia touchscreen de 10,1 polegadas com navegação embarcada, cinco perfis de personalização, customização da tela de início e conexão com múltiplos smartphones. Tem ainda traz uma tela frontal para o passageiro, com acesso a música e navegação. Por meio do sistema multimídia é possível efetuar conexão com Apple Carplay e Android Auto, inclusive com espelhamento sem fio.

Motor

O modelo híbrido combina um motor turbo 2.0l de quatro cilindros e outros dois motores elétricos de alta tensão. O carro tem transmissão automática de 8 marchas, com potência total combinada de 380 cv e 637 Nm de torque. Isso faz com que a Grand Cherokee 4xe chegue a uma velocidade máxima de 206 quilômetros por hora e uma aceleração de 0 a 100 quilômetros por hora em 6,3 segundos.

O motor térmico é movido a gasolina, e o tanque tem capacidade de armazenar 72 litros do combustível. Já a bateria que abastece o sistema elétrico é feita de íons de lítio, com 400 Volts de tensão e capacidade de 17,3 kWh. Ela dá ao SUV 29 km de autonomia quando está no modo 100% elétrica pelo ciclo do Inmetro. A bateria pode ser totalmente carregada em duas horas e meia. No modo híbrido, tem autonomia para fazer 19,3 quilômetros com um litro de gasolina.

Raio x da Jeep Grand Cherokee 4xe híbrido plug-in

  • Motor 2.0 Turbo a gasolina
  • Potência total combinada: 380 cv
  • Torque combinado: 637 Nm
  • Transmissão: automática de 8 marchas
  • Bateria: íons de lítio, 400 Volts
  • Tempo total de carregamento: 2h30 (tomada de 220V, carregador Jeep nível 2)
  • Tanque de combustível: 72 litros
  • Capacidade de carga: 609 kg
  • Capacidade máxima de reboque: 2.332 kg
  • Capacidade do porta-malas: 580 litros

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Rota 2030: BNDES começa a receber projetos de descarbonização do setor automotivo
ESG

Rota 2030: BNDES começa a receber projetos de descarbonização do setor automotivo

Há 4 dias

Chega ao Brasil o Toyota RAV4 mais potente já lançado em versão híbrido plug-in
Casual

Chega ao Brasil o Toyota RAV4 mais potente já lançado em versão híbrido plug-in

Há 4 dias

BMW quer produzir primeiro carro híbrido plug-in do Brasil em Santa Catarina; veja modelo
Casual

BMW quer produzir primeiro carro híbrido plug-in do Brasil em Santa Catarina; veja modelo

Há 6 dias

Impulsionada por elétricos, ações da Volvo sobem 6% após vendas baterem recorde
seloMercados

Impulsionada por elétricos, ações da Volvo sobem 6% após vendas baterem recorde

Há uma semana

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais