Acompanhe:

Anitta fecha contrato com escritório de Justin Bieber

Com o objetivo de alavancar sua carreira internacional, a cantora brasileira já prepara seu primeiro disco em inglês

Modo escuro

Continua após a publicidade
Anitta: a ideia é que a empresa ajude a desenvolver a carreira de Anitta nos mercados americano e latino (Anitta/Divulgação)

Anitta: a ideia é que a empresa ajude a desenvolver a carreira de Anitta nos mercados americano e latino (Anitta/Divulgação)

E
Estadão Conteúdo

Publicado em 1 de agosto de 2017 às, 10h46.

Última atualização em 1 de agosto de 2017 às, 11h09.

Um dia após o aguardado lançamento de Sua Cara, música que lançou em parceria com o grupo de música eletrônica Major Lazer e a cantora Pabllo Vittar, Anitta assinou contrato com o escritório norte-americano Shots Studios para alavancar sua carreira internacional.

A cantora brasileira já está preparando seu primeiro disco em inglês, que terá parcerias com os DJs Marshmello, Alesso e Poo Bear. A informação foi confirmada pelo site da revista Billboard e replicada pela própria Anitta em sua conta oficial no Twitter.

A Shots Studio tem em sua cartela de clientes astros da internet, como Lele Pons, Rudy Mancuso e Loren Gray. Ninguém menos do que Justin Bieber passou a ser um dos sócios após um investimento de larga escala em 2013, quando a empresa ainda se chamava RockLive.

Ainda de acordo com informações da revista, a ideia é que a empresa ajude a desenvolver a carreira de Anitta nos mercados americano e latino.

No site oficial da Shots Studio, o nome da brasileira já aparece entre o catálogo de criadores agenciados por eles. "Estou bastante empolgada para trabalhar com a Shots. John, Sam e toda a equipe me receberam como se fosse da família. Mal posso esperar para que todos vejam no que estamos trabalhando", afirmou ela à Billboard.

Últimas Notícias

Ver mais
Incêndio no Texas é tão grande que pode ser visto do espaço
Mundo

Incêndio no Texas é tão grande que pode ser visto do espaço

Há 2 dias

Câmara dos Representantes dos EUA aprova lei de gasto temporário para evitar shutdown
Mundo

Câmara dos Representantes dos EUA aprova lei de gasto temporário para evitar shutdown

Há 2 dias

PCE: índice de inflação nos EUA mantém queda e vai a 2,4% em janeiro
Economia

PCE: índice de inflação nos EUA mantém queda e vai a 2,4% em janeiro

Há 2 dias

O que se sabe sobre o projeto Maven, o programa militar de IA dos EUA
Inteligência Artificial

O que se sabe sobre o projeto Maven, o programa militar de IA dos EUA

Há 3 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais