Bússola
Um conteúdo Bússola

Enchentes no RS: JBS, Petlove e outras 9 empresas ajudam vítimas da tragédia

Ações incluem doações de água potável, alimentos prontos e transporte de itens essenciais para a região

Transporte de ração da Petlove pela Força Aérea Brasileira (Petlove/Divulgação)

Transporte de ração da Petlove pela Força Aérea Brasileira (Petlove/Divulgação)

Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 15 de maio de 2024 às 07h00.

Última atualização em 17 de maio de 2024 às 11h27.

No Rio Grande do Sul, o número de pessoas que foram forçadas a deixar suas casas inundadas já chegou a mais de 80 mil. O número de desalojados passa de meio milhão em todo o estado.

Nesse cenário de grave crise humanitária, o Brasil se une para dar apoio às vítimas das enchentes, que foram provocadas pelas fortes chuvas do começo de maio.

Na missão de ajudar, algumas das maiores empresas do Brasil estão empenhadas em dar suporte à região e garantir a recuperação dos gaúchos.

Grupo Edson Queiroz (GEQ) 

Para os colaboradores da Nacional Gás de Canoas, o GEQ adotou medidas como adiantamento de salário quinzenal e 13º, ticket alimentação adicional, doação de cestas básicas e auxílio moradia.

Pela Minalba Brasil, o grupo segue com doações de água e parcerias com outros agentes para amplificar a chegada de água potável no estado. 

JBS

A JBS antecipou o pagamento do 13º salário para seus mais de 16 mil funcionários no Rio Grande do Sul. 

A empresa também já doou:

  • 1 milhão de produtos de higiene e limpeza (em parceria com a Flora, do grupo J&F)
  • 200 toneladas de doações realizadas pelos seus colaboradores de todo o país
  • 70 toneladas de alimentos
  • 450 mil litros de água
  • 3 mil colchões e cobertores
  • 3 mil cestas básicas

Colégio Visconde de Porto Seguro

O colégio promoveu em todos os quatro campi uma ação de arrecadação. Até o momento, foram 30 mil itens recolhidos, sendo 10 toneladas de água potável, alimentos não perecíveis e produtos de higiene.

Grupo J. Safra

O Grupo J. Safra, se solidarizando com as famílias gaúchas, anunciou o total de R$ 10 milhões em doação para ajudar o Estado do Rio Grande do Sul na maior enchente de sua história. A doação será feita por meio de várias instituições filantrópicas.

ATVOS

Uma das maiores produtoras de biocombustíveis do Brasil, a empresa se uniu ao Movimento União Br para doar 20 mil refeições prontas e 750 colchões.

A Atvos também mobilizou seus mais de 10 mil integrantes para arrecadar mantimentos não perecíveis, água potável, itens de vestuário, higiene pessoal e limpeza para a população gaúcha. 

A empresa continua acompanhando de perto a situação para que possa avaliar novas oportunidades de apoio.

Aché Laboratórios Farmacêuticos

O Aché Laboratórios Farmacêuticos vai disponibilizar a partir da próxima semana, 60 estações de atendimento de Telemedicina para abrigos do Rio Grande do Sul.

O projeto de telemedicina batizado de TeleMed SOS RS é uma parceria entre o Instituto Dunga e a Lauduz, com o apoio do Governo do estado do Rio Grande do Sul e ABRASMED.

A Lauduz fará a operacionalização do sistema de Telemedicina que oferece teleconsulta por vídeo através de um tablet, integrado com prescrição eletrônica, com oxímetro digital e aparelho digital de verificar a pressão arterial, cuja interface com o paciente será realizada com estes equipamentos doados pelo Aché e instalados nos abrigos, operados por um profissional de saúde.

Os médicos que realizarão os atendimentos serão médicos voluntários de todo país, recrutados sob a coordenação do Dr. Marcelo Matias, membro da diretoria da SIMERS - Sindicato Médico do Rio Grande do Sul.

ABRATI

As empresas do setor de transporte rodoviário de passageiros, associadas à ABRATI (Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros), realizam ações solidárias.

As associadas estão com pontos de coleta de donativos por todo o país e mobilizando suas frotas no transporte de doações até o Rio Grande do Sul. 

Petlove leva doações aos animais impactados

O ecossistema pet realizou a doação de mais de 10 toneladas de ração super premium em parceria com a Defesa Civil, a Força Aérea, o GRAD (Grupo de Resposta a Animais em Desastres) e Instituto Caramelo, que lideram o auxílio aos animais impactados pelos acontecimentos que acometem a região.

Para angariar doações aos pets, a Petlove disponibiliza o Petcar como ponto de coleta. Nesta semana, das 11h às 14h, posicionado à frente do CENU, o carro-cachorro receberá itens como ração, água, coleiras, peitorais, guias, mantas e medicamentos.

Camil Alimentos

A empresa está concentrada na doação de 7.800 cestas de alimentos, que estão sendo prontamente destinadas a parceiros comerciais do varejo em pontos críticos do Rio Grande do Sul. 

Cada cesta de alimentos contém 5 kg de arroz; ⁠1 kg de feijão, ⁠1 kg de massa; ⁠1 kg de açúcar, 500 g de café (1 pacote), além de três latas de sardinha e uma de atum.

Befly

A empresa contribuiu financeiramente para a Central Única das Favelas (CUFA). Os colaboradores da BeFly de Porto Alegre foram liberados de seus trabalhos, para que possam prestar suporte e apoio aos seus familiares e conhecidos.

ABIA

Até agora, foram destinadas 417 toneladas de doações para o Rio Grande do Sul. Além de alimentos, bebidas e recursos financeiros, as associadas também têm contribuído com artigos de primeira necessidade, como itens de higiene e limpeza, colchões, ração e mais de 1,7 milhão de litros de água potável.

Ambipar

A multinacional brasileira líder em gestão ambiental se uniu às equipes de apoio humanitário aos atingidos pelas enchentes no Rio Grande do Sul. A empresa enviou 30 embarcações, dois helicópteros, seis viaturas, 21 escavadeiras, 12 caminhões e 68 profissionais especializados em gerenciamento de crises.

Movimento União BR

A organização especializada em criar hubs de emergência por todo o Brasil, já conta com 65 empresas e entidades, além de doações de micro doadores de todo o país para auxiliar no Rio Grande do Sul. A entidade já arrecadou mais de R$ 20 milhões e já estava atuando na região desde as fortes chuvas, em setembro de 2023.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Acompanhe tudo sobre:Rio Grande do Sul

Mais de Bússola

O que são contratos de representação comercial e como evitar insegurança jurídica

Como a Positivo aumentou seu lucro líquido em 655% em um ano

A volta da dupla Senna e Shell: marcas firmam parceria para promover lançamento de etanol aditivado

Bússola Cultural: Dia do Orgulho Nerd terá comemoração gratuita em São Paulo

Mais na Exame