Bússola
Um conteúdo Bússola

Curso Liderança Transformadora disponibiliza bolsas para empreendedores

Segundo estudo da FGV, curso que está com inscrições abertas até 16 de junho, gera melhores ofertas salariais aos participantes

Turma anterior do programa executivo (Fundação Estudar/Divulgação)

Turma anterior do programa executivo (Fundação Estudar/Divulgação)

Bússola
Bússola

Plataforma de conteúdo

Publicado em 13 de junho de 2023 às 13h30.

A Fundação Estudar está com inscrições abertas para o Programa Executivo Liderança Transformadora, voltado a pessoas em cargos de gestão e ou que estão empreendendo. O curso oferece a oportunidade de realizar um projeto individual, como desenvolver um negócio ou ainda planejar ações para motivar e melhorar a produtividade dos colaboradores. Sua duração é de quatro semanas online, além de seis dias presenciais em São Paulo divididos em dois módulos. Os interessados podem se inscrever até 16 de junho.

De acordo com estudo realizado pelo Laboratório de Pesquisa e Avaliação em Aprendizagem da Fundação Getúlio Vargas (FGV), o programa gera melhores ofertas salariais aos participantes por até três anos após a realização do curso, trazendo impacto positivo não só para o âmbito profissional, engajando-os nas atividades diárias no trabalho, mas também na vida pessoal.

“Para lançar esse programa e comprovar o potencial pedagógico da metodologia, contratamos o Laboratório de Pesquisa e Avaliação em Aprendizagem da Fundação Getulio Vargas (FGV) para uma análise qualificada da ementa do curso que durou dois anos. E, após esse período, de fato, foi constatado que o Executivo Liderança Transformadora garante oportunidades melhores para aqueles que receberam essa formação, além de oferecer a oportunidade única de construir networking com pessoas relevantes no mercado” afirma Anamaíra Spaggiari, Diretora Executiva da Fundação Estudar.

Como funciona o curso de liderança? 

Para a seleção, é necessário que o participante ocupe um cargo de gestão onde trabalha ou esteja em processo de empreender ou desenvolver um negócio. As bolsas integrais ou parciais serão oferecidas de acordo com análise curricular e perfil profissional de cada candidato, e os que forem contemplados terão ajuda de custo para o translado em São Paulo até a estadia, o hotel e a alimentação, durante os dias presenciais, além da formação, metodologia e a mentoria para desenvolvimento do projeto.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

Carolina Fernandes: O Marketing está sempre evoluindo, mas nem tudo mudou

Benefícios: 3 a cada 10 empresas consultam colaboradores na hora de escolher um fornecedor

Faturando R$ 6 mi, empresário lança primeiro metaverso de educação no país

Acompanhe tudo sobre:LiderançaGestãoEmpreendedorismoFGV - Fundação Getúlio Vargas

Mais de Bússola

O que são contratos de representação comercial e como evitar insegurança jurídica

Como a Positivo aumentou seu lucro líquido em 655% em um ano

A volta da dupla Senna e Shell: marcas firmam parceria para promover lançamento de etanol aditivado

Bússola Cultural: Dia do Orgulho Nerd terá comemoração gratuita em São Paulo

Mais na Exame