Um conteúdo Bússola

BB Seguros oferece ensino técnico a jovens de comunidades rurais da Bahia

Fundada em 2007, Casa Familiar Rural de Igrapiúna já beneficiou mais de 15 mil pessoas do sul da Bahia
Projeto é voltado para região sul da Bahia (Luiz Souza/NurPhoto/Getty Images)
Projeto é voltado para região sul da Bahia (Luiz Souza/NurPhoto/Getty Images)
B
Bússola

Publicado em 04/08/2022 às 12:46.

Última atualização em 04/08/2022 às 12:57.

Por Bússola

Reconhecida por apoiar projetos socialmente relevantes e transformadores, a BB Seguros é agora uma das patrocinadoras da Casa Familiar Rural de Igrapiúna. O projeto educacional une o ensino regular ao técnico, com foco em agricultura, e tem o objetivo de capacitar jovens de nove municípios e mais de 60 comunidades rurais na região sul do estado da Bahia. Com o apoio da BB Seguros, a Casa Igrapiúna pretende ampliar o acesso à formação e capacitação de futuros “empresários rurais”.

“Acreditamos que a educação é a principal via para pavimentarmos o futuro do Brasil. O projeto da Casa Familiar Rural de Igrapiúna nos encantou por ter essa mesma premissa aplicada à realidade social e econômica da região em que atua. Esperamos que, com o apoio da BB Seguros, mais jovens tenham a oportunidade de estar em linha com as práticas mais modernas da agricultura e consigam ajudar a desenvolver a produção rural da região em que moram, impactando positivamente toda a comunidade ao redor”, comenta João Fruet, diretor comercial da Brasilseg, uma empresa da BB Seguros.

A Casa Familiar Rural de Igrapiúna foi fundada em agosto de 2007 e credenciada, em junho de 2011, como uma unidade de ensino que oferta o curso de educação profissional técnica de nível médio em agronegócio integrado ao ensino médio pelo Conselho Estadual de Educação do estado da Bahia (CEE/BA). Desde então, o projeto já atuou diretamente na formação de cerca de 250 jovens agricultores que têm à disposição uma estrutura moderna e completa, incluindo alojamentos que abrigam os alunos durante o período de aulas na semana.

Para serem admitidos no projeto, os meninos e meninas da região passam por um processo seletivo anual E, atualmente, 66% dos alunos da Casa de Igrapiúna são do gênero feminino. Além dos ensinos regular e técnico, o projeto busca se integrar de diferentes maneiras à vida e o dia a dia das comunidades que atende.

Uma das atuações mais relevantes promovidas pela Casa Igrapiúna é feita por meio dos Projetos Educativos Produtivos, em que é fornecido a jovens e famílias selecionadas não só o conhecimento técnico agronômico, mas também os insumos para o desenvolvimento de diversos tipos de cultivo e aulas de administração e gerenciamento.

Nos nossos 15 anos de existência, a Casa Igrapiúna já realizou mais de 430 Projetos Educativos Produtivos, promovendo segurança alimentar e melhoria na renda de dezenas de famílias”, relembra Francisvaldo Amaral Roza, diretor da Casa Familiar Rural de Igrapiúna. “O apoio da BB Seguros será decisivo para que possamos ampliar a nossa capacidade de atendimento, sobretudo nos Projetos Educativos Produtivos, que geram resultados econômicos tangíveis à região, e nas Ações Multiplicadoras, que ajudam a levar o conhecimento às comunidades”, celebra o dirigente.

As Ações Multiplicadoras são desenvolvidas nos períodos em que os jovens estão com suas famílias e vizinhos. Essas ações contemplam seminários rurais, que discutem soluções concretas para desafios enfrentados pelas comunidades; palestras, no intuito de promover o desenvolvimento comunitário; além de “dias de campo”, para a aplicação prática dos conhecimentos técnicos absorvidos no projeto; e ações ambientais, como reflorestamento e recuperação de áreas degradadas.

O projeto adota como modelo educacional a Pedagogia de Alternância, que permite ao jovem não se afastar do ambiente familiar, desenvolvendo atividades socioprodutivas e tendo o trabalho como princípio educativo. Este modelo possui profunda sinergia com os princípios da Educação do Campo, que incorpora os saberes dos agricultores, da família e da comunidade, além de contribuir com a sucessão familiar e a permanência do jovem no campo.

Desta forma, todas as ações desenvolvidas pela Casa Familiar Rural de Igrapiúna contribuem para a melhoria das condições de vida da população do Baixo Sul da Bahia, em suas dimensões ambiental, social, política, econômica e cultural.

Para saber mais sobre a Casa Familiar Rural de Igrapiúna, visite o site do projeto.

Siga a Bússola nas redes: Instagram | Linkedin | Twitter | Facebook | Youtube

Veja também

L’Oréal e Odara formam 120 mulheres em projeto gerador de renda na Bahia

Natural One abre inscrições para premiar negócios sustentáveis em R$ 90 mil

Iona Szkurnik: O que você aprendeu que mais te impactou na vida?