Acompanhe:

Trabalhadores, aposentados, pensionistas e titulares de auxílios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) continuam sem acesso ao site e ao aplicativo Meu INSS na manhã desta terça-feira, 23. Segundo a Dataprev, empresa de processamento de dados do governo federal, que processa dados previdenciários, a pane afeta também o sistema de agendamento do INSS, além das consultas a benefícios e a informações do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

O problema afeta até a emissão do informe de rendimentos para quem precisa fazer a declaração de Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2023 (ano-base 2022).

O CNIS reúne dados sobre as contribuições previdenciárias dos trabalhadores da iniciativa privada. Neste sistema, estão listados todos os vínculos trabalhistas e os respectivos recolhimentos mensais à Previdência Social.

O Meu INSS, por sua vez, permite requerer benefícios, marcar perícias médicas, consultar agendamentos já feitos, saber sobre andamento de processos, fazer atualização de dados e até consultar o extrato de pagamento mensal, incluindo o valor da antecipação da primeira metade do 13º salário (50%), que será liberada nos próximos dias com o benefício referente a maio.

O problema nos sistemas teria sido causado durante uma manutenção preventiva no datacenter do Rio de Janeiro, no último domingo, dia 21. De acordo com a Dataprev, durante um procedimento padrão no equipamento de armazenamento, realizado pelo próprio fabricante, ocorreu um desligamento não programado de alguns discos.

Veja fila por estado: Tempo médio de espera por benefício do INSS cai de 93 para 74 dias em um ano

Desde então, há instabilidade nos sistemas do INSS. O problema pode afetar também os sistemas do Ministério do Trabalho e Emprego.

"As equipes técnicas da Dataprev, em conjunto com o fabricante, seguem atuando para que todos os sistemas dos clientes estejam completamente disponíveis o mais rapidamente possível", informou a Dataprev, em nota, na noite desta segunda-feira.

Atendimento via central 135

A saída para os segurados é procurar informações junto à central telefônica 135. Por meio do call center, é possível fazer inscrição junto à Previdência Social, requerer benefícios, agendar atendimento em uma agência, consultar resultado de perícia médica, consultar data de pagamento de benefício e, fazer denúncia anônima, entre outras possibilidades.

Além disso, o segurado pode conversar com um atendente para obter informações sobre um benefício da Previdência Social.

O horário de teleatendimento é de segunda-feira a sábado, das 7h às 22h (horário de Brasília). Mas o atendimento eletrônico está disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Como criar a conta Gov.br?

Qualquer cidadão brasileiro ou estrangeiro com CPF pode fazer o cadastro dentro da plataforma Gov.br. Para criar a conta, é preciso baixar o aplicativo (App Store ou Google Play) e seguir os passo, começando pelo "criar conta". Com o cadastro, o cidadão consegue ter acesso a diversos serviços digitais do governo como INSS, carteira de trabalho digital e o seguro desemprego.

Como conseguir nível prata no Gov.br usando o aplicativo

  • Passo 1: faça o cadastro cadastro dentro do aplicativo Gov.br (App Store ou Google Play)
  • Passo 2: para aumentar o nível, clique em "aumentar nível da conta"
  • Passo 3: faça o reconhecimento facial pelo app para conferência da sua foto nas bases da Carteira Nacional de Habilitação (CNH)
  • Passo 4: valide seus dados via internet banking de um banco credenciado

Como conseguir nível ouro no Gov.br

  • Passo 1: acesse a sua conta no app Gov.Br (App Store ou Google Play)
  • Passo 2: clique em "Aumentar nível da conta"
  • Passo 3: faça o reconhecimento facial para a conferência da foto nas bases da Justiça Eleitoral

Como entrar dentro do Meu INSS

Com o cadastro feito dentro do Gov.Br, basta acessar a plataforma Meu INSS -- pelo aplicativo ou pelo site -- preencher o login com usuário e senha e pronto! Automaticamente todas as suas informações vão aparecer linkadas.

(Com Estadão Conteúdo)

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Golpe do salário-maternidade: INSS alerta para fraude divulgada por influenciadores
seloMinhas Finanças

Golpe do salário-maternidade: INSS alerta para fraude divulgada por influenciadores

Há 6 horas

Beneficiários do INSS começam a receber o 13º salário na próxima semana; veja calendário
seloMinhas Finanças

Beneficiários do INSS começam a receber o 13º salário na próxima semana; veja calendário

Há 2 dias

Governo prevê R$ 37,3 bi em redução de gastos até 2028 com benefícios previdenciários e ProAgro
Economia

Governo prevê R$ 37,3 bi em redução de gastos até 2028 com benefícios previdenciários e ProAgro

Há 4 dias

Pagamento do 13º dos aposentados começa neste mês; veja calendário
seloMinhas Finanças

Pagamento do 13º dos aposentados começa neste mês; veja calendário

Há uma semana

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais